JOINVILLE BEM TRATADA

O propósito da Companhia Águas de Joinville (CAJ) é tratar bem da nossa água para cuidar bem de Joinville. Por isso, com vistas à universalização, foi estabelecido um pacote de obras para continuar garantindo água de qualidade e levar tratamento de esgoto para toda a cidade. O objetivo é ampliar a infraestrutura do sistema de abastecimento de água, mantendo a qualidade do sistema, e ampliar a cobertura de esgotamento sanitário para 90% até 2033. Dentro desse prazo, será realizada uma série de grandes obras, como a construção de estações de tratamento e instalação de unidades de bombeamento, planejadas para os próximos anos. De ponta a ponta – do rio que abastece ao rio que recebe o efluente tratado –, a meta é o desenvolvimento sustentável, com proteção do meio ambiente e promoção da qualidade de vida das pessoas. Nessa página, você acompanha as notícias sobre obras e melhorias na rede de abastecimento de água e sistema de coleta de esgoto.

24/01/2024

Adutora Piraí Sul está com 80% da obra concluída

A obra da tubulação que levará água da futura estação Piraí Sul, no Nova Brasília, até reservatórios da zona Sul, está com 80% de sua instalação finalizada. A previsão é que a adutora seja concluída em 2024 e o investimento total nessa obra é de R$ 50 milhões.

Duas frentes de trabalho foram retomadas neste início de ano: na rua Boehmerwald (no trecho entre as ruas Eva Bento Poleza e Rodrigo Luiz Gonçalves) e na rua dos Agrônomos (entre as ruas Boehmerwald e Universidade).

A adutora já foi implantada na Estrada Fernão André Gomes e nas ruas Parati, Portugal, Santa Catarina, Cidade de Patos de Minas, Cidade de Vera Cruz, Cidade de Surubim, Áustria, Afonso Moreira, Universidade e avenida Firmino da Silva.

Após a conclusão dos trabalhos na rua Boehmerwald e na rua dos Agrônomos, as obras seguirão pelas ruas Eva Bento Poleza, Rodrigo Luiz Gonçalves e Vitor Bueno.

No total, serão 10 km de tubulação que transportará água da estação de tratamento até os reservatórios R-11, localizado no bairro Profipo, e R-12, no Paranaguamirim.

Quando o sistema Piraí Sul estiver em operação, serão beneficiados cerca de 160 mil moradores dos bairros Adhemar Garcia, Boehmerwald, Fátima, Itinga, Jarivatuba, João Costa, Paranaguamirim, Parque Guarani, Profipo, Santa Catarina e Ulysses Guimarães.

“A Companhia e a Prefeitura estão dando continuidade à parceria que já ocorreu em outras obras envolvendo a compatibilização de cronogramas. Por isso, a instalação da adutora foi antecipada com o objetivo de aproveitar que a Seinfra está asfaltando as ruas da região”, afirma Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

A adutora em números

As adutoras são tubulações de diâmetro maior e podem transportar água bruta ou água tratada. No caso da adutora Piraí Sul, ela transportará água potável da estação de tratamento aos reservatórios da região Sul, para então ser distribuída por redes menores até as residências.

Cerca de 95% da adutora Piraí Sul é de aço carbono, material resistente à alta pressão e, por isso, menos suscetível a vazamentos. A tubulação de aço também tem maior durabilidade em comparação à de ferro fundido.

Outra vantagem é a agilidade de sua implantação, pois os tubos de aço são mais longos que os de ferro, aumentando a produtividade em cada frente de obra. Para ampliar sua vida útil, as peças recebem uma pintura especial e uma proteção denominada catódica que, juntas, evitam a corrosão do metal.

Por ser uma adutora, os diâmetros também são maiores do que nas demais redes de distribuição. Próximo à estação de tratamento, a adutora tem 900 mm de diâmetro, o qual é reduzido para 700 mm em outros trechos e, posteriormente, para 500 mm. Para efeito de comparação, nas redes de distribuição de água, os diâmetros variam entre 50 mm e 400 mm. As valas para instalação da tubulação têm profundidades que variam de 1 metro a 3,5 metros.

Cada tubo da adutora de aço tem 12 metros de comprimento e a união entre eles é feita através de um processo de solda. Para finalizar os 10 km de adutora, é necessário implantar cerca de 830 tubos, além de outros dispositivos como válvulas, ventosas e descargas. O peso de cada tubo varia de acordo com o seu diâmetro, mas em média é de 1 tonelada e 200 quilos, aproximadamente o peso de um carro popular.

Licitação para construção da Estação de Tratamento de Água

A licitação para a construção da terceira estação de tratamento de água de Joinville, a ETA Piraí Sul, foi lançada em dezembro de 2023 (bit.ly/EditalPiraiSul).

O prazo para enviar as propostas é até às 17h do dia 21 de março de 2024 e as empresas interessadas devem entregar os envelopes com os documentos na sede administrativa da Companhia (rua XV de Novembro, 3.950, no Glória). As propostas serão abertas no dia 22 de março, às 10h, e a abertura pode ser acompanhada presencialmente ou de forma on-line.

Também em dezembro, a Secretaria de Meio Ambiente (SAMA) emitiu a Licença Ambiental Prévia (LAP) da ETA Piraí Sul, que aprova a localização e concepção da obra, atualmente em fase preliminar de planejamento. A previsão é que a construção da unidade seja iniciada em 2025

23/01/2024

Moradores do Boa Vista têm mais uma oportunidade para tirar dúvidas sobre conexão à rede de esgoto

A Companhia Águas de Joinville oferece, na quarta-feira (24/1), a partir das 19 horas, mais uma oficina gratuita no bairro Boa Vista sobre como realizar a ligação das residências à rede coletora de esgoto. Com duração prevista de 1h30, o evento será realizado no auditório da Paróquia Nossa Senhora Imaculada Conceição, localizada na rua Albano Schmidt, 1885.

Imóveis de mais 11 ruas do bairro foram liberados para conexão à rede de esgoto. São as ruas Primeiro de Maio, Antônio de Oliveira Silva, Barbalho, Nossa Senhora do Rosário e servidão Agostinho Albino, além de parte das ruas Cardeal Pacelli, Alcântara, São Borja, São Leopoldo, das Orquídeas e das Violetas.

Mesmo que a rua esteja na lista acima, o morador só pode realizar a conexão se já tiver recebido o aviso de liberação da Águas de Joinville. Caso contrário, deve aguardar o comunicado feito por carta impressa, visita de agente socioambiental ou inclusão da informação na fatura de água. Mais informações sobre a oficina podem ser obtidas no WhatsApp 47 99923-7394.

Última etapa de obras está 90% concluída

A Companhia Águas de Joinville atingiu 90% da última etapa das obras de implantação de esgotamento sanitário no bairro Boa Vista. No total, estão previstos 46,2 km de redes coletoras nessa fase.

Atualmente, há frentes de obras nas ruas Albano Schmidt, Cardeal Pacelli, Desembargador Tavares Sobrinho e São Miguel, com interdição parcial da via durante a execução dos trabalhos.

20/12/2023

Somente em 2023, investimentos da Águas de Joinville em obras de água e esgoto somam cerca de R$ 200 milhões

A Companhia Águas de Joinville dá andamento a diversas obras de implantação da rede de esgoto e para melhorias na rede de água em diferentes frentes de trabalho pela cidade. Neste ano, foram realizadas obras em ruas importantes, projetos que contemplaram vários bairros foram concluídos e outros seguem avançando, com continuidade nos próximos anos.

“As obras que foram concluídas ou estão em execução somam cerca de R$ 200 milhões. São investimentos em diversos bairros da cidade e que visam à ampliação e melhoria do saneamento básico, refletindo em mais qualidade de vida, saúde e preservação do meio ambiente. Além dos grandes projetos de expansão e de infraestrutura nos sistemas de água e esgoto, muitas melhorias pontuais também foram realizadas”, destaca Sidney Marques de Oliveira Júnior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

Entrega de várias obras e continuidade de projetos expressivos para a cidade

Distrito de Medição e Controle (DMC) do Bucarein – Investimento total da obra: R$ 8 milhões – Concluída em junho de 2023, a obra de melhoria na rede de água beneficia 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu. Foram instalados 25 km de redes e ramais (tubulações que ligam a rede da rua aos imóveis) em polietileno de alta densidade (PEAD), material mais moderno e resistente. Com a implantação do DMC, uma região do sistema de abastecimento é isolada e passa a ter monitoramento contínuo, o que possibilita mais agilidade na identificação e consertos de vazamentos. Além disso, durante reparos na rede, a interrupção do abastecimento de água ocorre em uma região menor, impactando menos pessoas. 

Distrito de Medição e Controle (DMC) do Jardim Sofia – Investimento total da obra: R$ 7,6 milhões – Com o objetivo de melhorar o abastecimento de água para cerca de 6,6 mil moradores, a Companhia começou a implantação do DMC Jardim Sofia no início de 2023. Do total de 31,3 km de redes novas, já foram instalados 21,8 km. A previsão é que esse DMC seja concluído em 2024.

Eixo Copacabana – Investimento total da obra: R$ 6 milhões – Importante melhoria, finalizada em novembro, com a modernização da rede de água na rua Copacabana e laterais, no trecho entre as ruas Schiler e a Ibirapuera. A rede foi instalada nas calçadas, com o objetivo de minimizar os impactos no trânsito durante manutenções no sistema de abastecimento. Além disso, houve a troca de 295 ramais, a instalação de 74 registros de manobra e três novos pontos de macromedição.

Rua São Paulo – Investimento em 2023: R$ 800 mil – Na rua São Paulo, foi realizada a substituição de 2,1 km de redes de abastecimento. A obra também englobou a troca de 95 ramais, a substituição de quatro registros antigos e a instalação de 27 novos registros de água. Os trabalhos, que ocorreram na região que abrange ruas dos bairros Floresta, Itaum e Petrópolis, tiveram início em abril desse ano e foram concluídos em agosto.  

Rua Ottokar Doerffel – Investimento em 2023: R$ 400 mil – Foram implantados 180 metros de novas redes no trecho que vai da rua Coronel Santiago até a Porto União. As tubulações foram instaladas na calçada, o que facilita as manutenções e reduz transtornos no trânsito. Além disso, os ramais também foram substituídos. As melhorias, concluídas em agosto de 2023, foram implantadas pela Companhia antes das obras de duplicação da via, realizadas pela Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra).

Adutora do Sistema Piraí Sul – Investimento total da obra: R$ 50 milhões – A instalação da adutora da futura estação Piraí Sul teve início em janeiro de 2023 e a previsão é que seja concluída no ano que vem. Atualmente, 71% das obras da adutora já foram finalizadas. No total, serão 10 km de tubulação de grande porte que levará água da estação de tratamento até os reservatórios que abastecerão a população, em maior parte da região sul de Joinville. A obra da adutora beneficiará cerca de 160 mil pessoas.

Rede de água na região da Anaburgo – Investimento total da obra: R$ 2,6 milhões – A Companhia iniciou, em junho de 2023, uma obra de melhoria na rede de água do bairro Vila Nova. Além da substituição da rede existente, foi instalada uma rede de reforço na Rodovia do Arroz. No total, são 3,9 km de tubulação, entre a rua Quinze de Novembro e a Anaburgo. A tubulação tem um diâmetro 2,5 vezes maior que a antiga, ampliando a oferta de água aos moradores da comunidade Anaburgo e demais imóveis abastecidos pela rede, que entrou em operação no final de outubro – são cerca de 2,8 mil beneficiados.  

Redes e ramais nos bairros Iririú e Jardim Iririú – Investimento total da obra: R$ 6,4 milhões – Para combater as perdas de água na região, a Companhia iniciou, em junho, a substituição de 27 km de redes de água nos bairros Iririú e Jardim Iririú. Além da rede, estão sendo trocados 1,8 mil ramais. Quatorze ruas do bairro recebem a melhoria, que beneficiará um total de 4,7 mil moradores. A maior parte do trabalho está sendo executada nas calçadas por Método Não Destrutivo, isto é, sem abertura de valas extensas e com menos impacto no trânsito e para a população. Cerca de 13 km de rede já foram implantadas e a previsão é finalizar tudo até 2024.

Redes de água nas calçadas – Investimento em 2023: R$ 8 milhões – O sistema de abastecimento de água de várias ruas recebeu melhorias pontuais, como instalação de registros e válvulas, além do deslocamento das redes para as calçadas e que facilitará muito futuramente em caso de manutenções. Cerca de 15 km de redes foram implantadas com essas melhorias e dentre as ruas que receberam esses investimentos estão Áustria, Santa Catarina e Prefeito Helmuth Fallgatter.

Pavimentação provisória – Investimento em 2023: R$ 350 mil – Com o objetivo de melhorar o trânsito em ruas que receberam obras na rede de água e esgoto e possuem grande fluxo de veículos, a Companhia começou a utilizar, em setembro desse ano, um novo sistema para repavimentação. Para minimizar esse impacto, ao finalizar as obras de manutenção, está sendo utilizada uma técnica denominada pintura asfáltica nos recortes abertos. A medida é uma solução provisória, até a aplicação do pavimento definitivo.

Estações de Tratamento de Água (ETA) do Cubatão e Piraí – Investimento em 2023: R$ 4,9 milhões – Ao longo de 2023, as estações de água também receberam melhorias, a maior parte delas contribuindo para a modernização das estruturas. Na ETA Cubatão, vários processos passaram a ser automatizados, como por exemplo nas etapas de filtração e nos decantadores. A ETA Piraí também teve iniciativas nesse sentido com a instalação de válvulas automatizadas. Outra importante melhoria nas duas ETAs foi a substituição do uso de gás cloro por hipoclorito de sódio no tratamento da água. Além de ter alta ação bactericida, o hipoclorito de sódio oferece mais segurança em comparação ao gás cloro, principalmente no que se refere ao transporte e armazenamento do material.

Automatização dos reservatórios – Investimento em 2023: R$ 700 mil – Nossos reservatórios passaram a ter monitoramento on-line, o que contribui para identificar possíveis vazamentos. Nove das 12 estruturas existentes na cidade já foram automatizadas: R-0 (região central), R-1 (zona leste), R-2 (região centro-norte), R-3 (Boa Vista e Bucarein), R-5 (região oeste), R-6 (Rio Bonito e Pirabeiraba), R-7 (região norte-leste), R-10 (região sudoeste) e o R-8 (região norte-nordeste). Já o R-4, R-11 e R-12 (zona sul) devem ser automatizados em 2024.

Reformas estruturais em reservatórios – Investimento total da obra: R$ 4,43 milhões – Para ampliar a segurança e a vida útil das instalações, a Águas de Joinville trabalha nas reformas dos reservatórios R-2 (que abastece a região centro-norte) e R-4 (região sul). As obras, que iniciaram em 2022, foram concluídas no R-2 esse ano e, no R-4, devem ser finalizadas em 2024. Durante a reforma, o revestimento interno é revitalizado e possíveis avarias no concreto são reparadas. No fim das obras, que não interferem no abastecimento das regiões atendidas pelos reservatórios, as unidades passam por limpeza e desinfecção.

Modernização de Válvulas Redutoras de Pressão (VRPs) – Investimento em 2023: R$ 550 mil – Instalação de VRPs em redes de abastecimento com maior número de vazamentos. O objetivo é estabilizar a pressão na rede, evitando rompimentos e aumentando a vida útil da tubulação. Em 2023, teve início a modernização das VRPs instaladas em Joinville, para que atuem adequando a pressão na rede de acordo com o consumo dos clientes ao longo do dia. Foram instaladas VRPs na região Leste – Aventureiro, Iririú, Jardim Iririú, Jardim Paraíso, Vila Cubatão, Comasa, Espinheiros – e também nas regiões do Boa Vista, Jardim Sofia, Paranaguamirim, Fátima e Adhemar Garcia.

Rede de esgoto na região do Hospital Regional – Investimento total da obra: R$ 1,9 milhão – A Companhia concluiu, em outubro, a instalação da rede de esgoto na região do Hospital Hans Dieter Schmidt, no bairro Boa Vista. Foram instalados 570 metros de tubulação da Fundação Pró-Rim, na rua Xavier Arp, até a unidade de bombeamento localizada na praça em frente ao Hospital Regional. Também foram instalados 3,5 km de rede pressurizada, que se estende até próximo à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Espinheiros, onde o efluente será tratado.

Rede de água, de esgoto e estação compacta na Vigorelli – Investimento total da obra: R$ 2,9 milhões – A nova rede de água da comunidade, com 2,8 km de extensão, entrou em operação no mês de outubro. A Companhia também concluiu a instalação de 1,5 km de rede coletora de esgoto e dá andamento à obra de implementação de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) compacta.

Redes coletoras de esgoto no Boa Vista – Investimento total da segunda etapa: R$ 25,2 milhões – No total, estão previstos 65 km de redes de esgoto e quatro estações elevatórias. A obra foi dividida em duas etapas: a primeira, que contempla 19 km de redes de esgoto, já foi concluída em 2021; e a segunda, que prevê a implantação de 46,2 km de redes, está em execução. Até o mês de novembro desse ano, a Companhia concluiu 89% das obras no Boa Vista. Serão mais de 13 mil moradores beneficiados com a previsão de finalização da segunda etapa em 2024. 

Redes coletoras de esgoto no Jardim Paraíso – Investimento total da obra: R$ 21,5 milhões – As obras estão ocorrendo nos bairros Jardim Paraíso, Jardim Sofia e Vila Cubatão. Ao todo, serão implantados nessa etapa 19 km de tubulação e 10 unidades de bombeamento de esgoto, beneficiando cerca de 27 mil pessoas. Até o momento, 12,8 km estão concluídos. Além desses locais, parte do Bom Retiro também será contemplada com novas redes coletoras.

Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Jardim Paraíso – Investimento total da obra: R$ 30 milhões – Atualmente com 75% das obras concluídas, a construção da ETE Jardim Paraíso teve início no segundo semestre de 2022, e a previsão é que seja finalizada em 2024. A obra dessa estação, que terá tecnologia para controle de odores, segue avançando. Quando entrar em operação, a unidade vai beneficiar 27 mil moradores dos bairros Jardim Paraíso, Vila Cubatão, Jardim Sofia e parte do Bom Retiro.

Redes coletoras de esgoto nas Zonas Sul e Sudeste – Investimento em 2023: R$ 10,3 milhões: as obras de implantação de rede coletora de esgoto vão beneficiar cerca de 60 mil moradores dos bairros Boehmerwald, Guanabara, Fátima, Itaum, Itinga, Jarivatuba, João Costa, Parque Guarani, Petrópolis e Santa Catarina. Do total de 196 km de redes coletoras de esgoto planejadas para essa região, 71% já foram instaladas, considerando a etapa que ocorreu nesse ano e etapas anteriores. Nessa região, um novo contrato será firmado para continuidade das obras ao longo dos próximos anos.

15/12/2023

Moradores do Boa Vista podem tirar dúvidas sobre como realizar a conexão do seu imóvel à rede de esgoto

A Companhia Águas de Joinville oferece, na próxima segunda-feira (18/12), a partir das 19 horas, uma oficina gratuita para esclarecer aos moradores do bairro Boa Vista sobre como realizar corretamente a conexão da rede domiciliar à rede pública de esgoto. A atividade tem cerca de 1h30 de duração. O evento será realizado na Associação de Moradores e Amigos do Bairro Boa Vista, localizada na rua São Leopoldo, 947.

Parte dos moradores do Boa Vista está recebendo liberações da Companhia Águas de Joinville para ligar o imóvel à rede coletora de esgoto implantada recentemente. Nesse momento, somente podem ser conectados imóveis que estão entre a rua Albano Schimdt e a Desembargador Francisco José Rodrigues de Oliveira, nas ruas Limeira, dos Gerânios, das Granadas, Pedro Álvares Cabral, Horto Florestal, Santa Mônica, Matilde Amin, São Vicente, servidão ngela Duarte de Souza e servidão Ana de Oliveira.

É importante ressaltar que a ligação só deve ser realizada se o morador já recebeu o aviso da Águas de Joinville. Este aviso é feito por meio de carta impressa, visita de agente socioambiental ou inclusão da informação na fatura de água. Mais informações sobre a oficina podem ser obtidas no WhatsApp 47 99923-7394.

Quase 90% da segunda etapa da implantação da rede de esgoto no bairro está concluída

A Companhia Águas de Joinville atingiu, no mês de novembro, 89% da segunda etapa das obras de implantação de esgotamento sanitário no bairro Boa Vista. Foram instalados 39,2 km de um total de 46,2 km de redes coletoras previstas nessa fase.

O investimento é de R$ 25,2 milhões, concedido pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, via Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Atualmente, as frentes de obras estão nas ruas General Góes Monteiro, Horto Florestal e São Leopoldo. Em todos esses locais, há interdição parcial da via durante os trabalhos.

Além das redes, também estão sendo instaladas duas unidades de bombeamento. Uma delas, já concluída, está localizada no final da rua dos Gerânios, próximo à esquina com a rua Desembargador Francisco José Rodrigues de Oliveira.

O outro sistema de bombeamento está na rua Albano Schmidt, no canteiro em frente à Tupy. A instalação da unidade está 60% concluída.

Quando for concluída essa que é a última etapa da implantação, a nova rede atenderá cerca de 13,2 mil moradores da região.

Rede de esgoto concluída na região do Hospital Regional

A Águas de Joinville liberou para conexão à rede de esgoto, em novembro, o Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, a Fundação Pró-Rim e mais 27 imóveis localizados entre as duas unidades de saúde.

Os proprietários de residências e de estabelecimentos comerciais que se encontram no traçado da rede já receberam um comunicado sobre a liberação, que foi deixado na caixa de correio ou entregue em visita de agentes da Companhia.

O investimento foi de R$ 1,9 milhão. “Foram implantados 570 metros de tubulação da Fundação Pró-Rim, na rua Xavier Arp, até a estação elevatória, unidade de bombeamento localizada na praça em frente ao Hospital Regional. Também foram instalados 3,5 km de rede pressurizada, que se estende até próximo à Estação de Tratamento de Esgoto do Espinheiros, onde o efluente será tratado”, explica Grasiela Breis, coordenadora de projetos da Águas de Joinville.

Um diferencial da obra foi a execução da rede pressurizada pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a tubulação sem abertura de valas extensas, reduzindo transtornos com interrupções no trânsito e recomposição do pavimento.

14/12/2023

Águas de Joinville lança edital para construção da Estação de Tratamento de Água Piraí Sul

A Companhia Águas de Joinville publicou, na quarta-feira (13/12), o edital de licitação para construção da nova Estação de Tratamento de Água de Joinville, a ETA Piraí Sul. O edital 001/2023 trata-se de uma licitação internacional, para definição da empresa que vai executar os projetos, as obras e a pré-operação da unidade. O valor estimado da contratação é de R$ 123.381.950,84. O edital está disponível no site da Companhia (bit.ly/EditalPiraiSul).

O prazo para enviar as propostas é até 17 horas do dia 21 de março de 2024 e as empresas interessadas devem entregar os envelopes com os documentos na sede administrativa da Companhia (rua XV de Novembro, 3.950, no Glória). As propostas serão abertas no dia 22 de março, às 10h, e a abertura pode ser acompanhada presencialmente ou de forma on-line.

Sobre a Estação de Tratamento de Água Piraí Sul

A terceira ETA do município de Joinville será instalada no bairro Nova Brasília, na Estrada Fernão André Gomes, e captará água do trecho Sul do rio Piraí. A estrutura vai atender os bairros Profipo, Santa Catarina, Itinga, Boehmerwald e parte dos bairros Parque Guarani e João Costa, Paranaguamirim, Jarivatuba, Ulysses Guimarães, Fátima e Adhemar Garcia.

A capacidade de tratamento será de 750 litros por segundo na primeira etapa, mas o projeto prevê a ampliação para até 1.000 litros por segundo, quando houver demanda. A estimativa é que, até 2037, a nova ETA atenda mais de 230 mil pessoas.

Uma parte do Sistema Piraí Sul já foi iniciada. Com investimento de R$ 50 milhões, a instalação da adutora que levará água da futura estação até os reservatórios teve início em janeiro de 2023, e a previsão é que seja concluída no ano que vem. Atualmente, 71% das obras da adutora já foram finalizadas. No total, são 10 km de tubulação.

Hoje, Joinville é abastecida por duas estações de tratamento de água, a ETA Cubatão e a ETA Piraí. A ETA Cubatão, que entrou em operação em 1972, é a estação responsável por atender 75% do município. A ETA Piraí entrou em operação em 1955, e leva água tratada a 25% da população joinvilense, dos bairros Vila Nova, São Marcos e parte da zona Sul.

05/12/2023

Com investimento de R$ 48 milhões, iniciam obras para melhorias no sistema de abastecimento de água da Zona Sul

A Companhia Águas de Joinville deu início a diversas ações que vão melhorar o sistema de abastecimento de água da região Sul. São obras para melhorias de infraestrutura, troca de redes de água, iniciativas para controle da pressão da rede, pesquisas e reparo de vazamentos.

O investimento total no conjunto de ações planejadas é de R$ 48 milhões e a previsão é que sejam implementadas em 18 meses. As obras serão realizadas nos bairros Adhemar Garcia, Anita Garibaldi, Floresta, Guanabara, Itaum, Itinga, Jarivatuba, João Costa, Morro do Meio, Nova Brasília, Paranaguamirim, Petrópolis, Santa Catarina, São Marcos e Ulysses Guimarães.

As iniciativas, além de modernizar o sistema, ainda vão contribuir para evitar perdas de água. Estima-se reduzir em 33% o volume de água perdido na região.

“Todo esse pacote de obras levará muitas melhorias para a Zona Sul e, além de mais infraestrutura no sistema de abastecimento, vamos reduzir as perdas de água tratada. Nós captamos, tratamos e fornecemos água de qualidade para nossa cidade. Cuidar da água é o nosso papel todos os dias. Evitar as perdas também e isso nos faz ser ambiental e socialmente responsável”, destaca Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

No total, a região receberá 24 km de redes novas e 38 válvulas redutoras de pressão, que são equipamentos que regulam a pressão da água na tubulação. Além disso, serão instaladas três novas bombas pressurizadoras e haverá a modernização de outras 33 existentes.

Outra obra prevista é a setorização do sistema de abastecimento, que consiste em dividir a rede de água em áreas menores, chamadas de Distritos de Medição e Controle (DMCs). O objetivo é regular a vazão e a pressão da água no local, evitando vazamentos e diminuindo impactos causados por manutenções na rede. Na Zona Sul, está prevista a implantação de 42 DMCs. O mesmo sistema já foi implantado no bairro Bucarein, por exemplo.

Modalidade contratada é pioneira em Santa Catarina

O pacote de obras na Zona Sul faz parte de um projeto regido por um Contrato de Performance, isto é, a remuneração da empresa contratada só é feita após a verificação do resultado do trabalho, de acordo com critérios preestabelecidos, e não somente pela execução. Esse tipo de contrato é uma iniciativa pioneira da Companhia Águas de Joinville, em Santa Catarina.

“A utilização de contrato nesta modalidade é uma maneira de garantir a realização do serviço e, além disso, contribuir para que esse serviço seja feito com qualidade”, explica Clarissa Campos de Sá, gerente do Centro de Inteligência em Operações.

Dessa forma, o Consórcio RV Joinville, constituído pelas empresas Vita Ambiental e Restor, será remunerado de acordo com o cumprimento de metas e resultados, entregando os serviços com mais agilidade e qualidade.

Esse é o segundo projeto da Companhia regido por esse modelo de contrato. O outro engloba o censo cadastral e a vistoria das ligações de água e segue em andamento.

“Os contratos de performance da Companhia têm como foco potencializar a redução de perdas de água, sejam perdas reais, que são os vazamentos na rede, ou perdas aparentes, ocasionadas por imprecisões em hidrômetros e ligações irregulares”, complementa Clarissa.

Comunidade será informada ao longo das obras

As primeiras intervenções do contrato de performance da Zona Sul iniciaram no mês de novembro e englobam instalação de equipamentos de medição de pressão, pesquisa e conserto de vazamentos não visíveis e instalação de nova rede de água na rua Teresópolis.

Imóveis, comércio ou instituições que, no decorrer das obras, tenham algum impacto relacionado à interdição total de vias ou interrupção no abastecimento, serão informados através de uma equipe de agentes de campo e também receberão um comunicado oficial da Companhia Águas de Joinville.

Além disso, o andamento das obras será comunicado ao longo dos 18 meses pela Companhia em seus canais oficiais de comunicação, como redes sociais e site.

23/11/2023

Estação de Tratamento de Esgoto que vai beneficiar cerca de 27 mil moradores será construída no Vila Nova

Com a obtenção de toda a documentação necessária, a Companhia Águas de Joinville pode realizar a obra da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do bairro Vila Nova. Na próxima semana, inicia a preparação do terreno onde a ETE será construída, com adequações preliminares, como cercamento do terreno, limpeza e movimentação de terra. O início da obra está previsto para o primeiro semestre de 2024.

O investimento é de R$ 36,9 milhões e inicialmente a unidade atenderá o bairro Vila Nova, beneficiando mais de 27 mil moradores e, futuramente, também o Morro do Meio. A estação será construída em um terreno com mais de 22 mil m², localizado na rua Hermínia Pensky. Os recursos foram obtidos por meio de convênio com a Caixa Econômica Federal. Quando a ETE entrar em operação, a capacidade de tratamento será de 90 litros por segundo.

Para apresentar o projeto e tirar dúvidas da comunidade, a Águas de Joinville realiza na sexta-feira (1º/12), a partir das 19h, uma reunião na Escola Municipal Professora Karin Barkemeyer (rua Márcio Luckow, nº 450). A previsão é que o encontro dure cerca de 1h30 e toda a comunidade está convidada para participar.

“Esse é mais um projeto da Companhia Águas de Joinville que vai contribuir para a ampliação do sistema de esgotamento sanitário no município, levando mais qualidade de vida à população do Vila Nova, assim como a valorização dos imóveis. Por isso, a reunião é um momento importante para ouvir a comunidade e, principalmente, para que possamos mostrar o projeto e esclarecer eventuais dúvidas”, afirma Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

Toda a documentação que é necessária antes do início da obra foi emitida. No final de outubro, a ETE Vila Nova obteve a Licença Ambiental de Instalação (LAI), emitida pelo Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina. Em novembro, houve a emissão do Alvará de Terraplanagem. Além desses documentos, a unidade também já tinha o Alvará de Construção da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (SAMA) de Joinville.

Praça para a comunidade ao lado da ETE

Além de evitar a contaminação do meio ambiente pela utilização de fossas e o lançamento de esgoto nos rios, a implantação da Estação de Tratamento beneficiará a comunidade com um novo espaço de convívio e de lazer no bairro.

O complexo contará com uma praça com mais de 4 mil m², instalada ao lado da ETE, que terá área para as crianças, espaço de convivência e pista de caminhada. A praça será construída em espaço público para valorização urbanística e social do Vila Nova.

22/11/2023

Águas de Joinville recebe aprovação para financiamento de aproximadamente R$ 627 milhões junto ao BID

A Companhia Águas de Joinville recebeu a aprovação do Senado Federal, nessa terça-feira (21), para um contrato de empréstimo de US$ 128 milhões – cerca de R$ 627 milhões – junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).
“O financiamento junto ao BID garante a continuidade das obras da Águas de Joinville que são muito importantes para alcançarmos a universalização do tratamento de esgoto aqui na nossa cidade”, destaca o prefeito Adriano Silva.

O processo de captação deste recurso foi iniciado em novembro de 2021, com o preenchimento da Carta Consulta. Após passar por diversas etapas de aprovação na esfera do Governo Federal, em 17 de novembro deste ano o processo foi despachado pela Casa Civil para o Senado Federal.
No Senado, a pauta teve apoio do relator do pedido de autorização, o senador Esperidião Amin, para que passasse pela aprovação da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Após isso, houve a aprovação na plenária.
Com a aprovação do Senado, última etapa dentre os trâmites de aprovação, a expectativa é que a assinatura do contrato ocorra ainda em 2023, com liberação do recurso para as obras a partir de 2024.

“O aporte do BID será fundamental para avançarmos ainda mais nas nossas obras rumo à universalização dos serviços de esgotamento sanitário em Joinville. Além disso, projetos no sistema de abastecimento de água e voltados à redução de perdas também serão contemplados no financiamento”, afirma Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

O recurso será destinado para uma série de projetos e obras contempladas pelo programa do financiamento com o BID, chamado de Programa de Saneamento Básico Sustentável de Joinville (PROSAJ).

Entre os projetos do financiamento estão a ampliação do sistema de tratamento de esgoto do complexo Jarivatuba (ETE, linha de recalque e emissário), ampliação da futura Estação de Tratamento de Esgoto do Vila Nova, para atender também o bairro Morro do Meio, e melhorias no sistema de esgotamento sanitário. Também estão contempladas a implantação do novo Sistema de Abastecimento de Água Piraí Sul e melhorias de automação e modernização na Estação de Tratamento de Água do Cubatão.

Além disso, serão implementadas diversas ações de redução de perdas reais de água e medidas de eficiência energética em estações de bombeamento de água. As obras de esgoto beneficiarão aproximadamente 160 mil pessoas, e as de água, cerca de 170 mil pessoas.
No mês de setembro, durante o Brazil Development Forum, realizado em Washington, nos Estados Unidos, o prefeito Adriano Silva esteve na sede do BID, onde reforçou a importância do investimento para o saneamento básico dos joinvilenses.

O BID é uma organização financeira internacional criada em 1959 e é uma das principais fontes de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Caribe.

24/10/2023

Nova rede de água entra em operação na comunidade Vigorelli

Está em operação a nova rede de abastecimento de água na Vigorelli. O investimento total da Companhia Águas de Joinville em obras de água e esgoto na região é de R$2,9 milhões e beneficia cerca de 130 famílias.

As últimas atividades para a ativação da nova rede de abastecimento ocorreram entre o final de setembro e a primeira quinzena de outubro, com a ligação da rede nova com a existente na estrada João de Souza Mello e Alvim, que dá acesso à comunidade, e os testes na tubulação implantada.

A comunidade da Vigorelli já tinha abastecimento de água. Porém, a rede antiga foi inspecionada e não atendia mais às especificações técnicas para possibilitar o abastecimento de toda a comunidade com fornecimento contínuo. Além disso, a tubulação estava danificada e com infiltrações, tornando sua vida útil reduzida.

“Uma nova rede foi instalada, com tubulação de Polietileno de Alta Densidade, material mais resistente em comparação com o anterior. E a rede principal passou a ter um diâmetro maior que o anterior, passando de 50 milímetros para 90 milímetros”, explica Grasiela Breis, coordenadora de Projetos de Expansão.

No total, são 2,8 km de rede de água na Vigorelli. Nessa segunda fase das obras, realizada de maio até outubro, foi finalizada a instalação de 1,6 km de tubulação. A primeira fase foi concluída em 2022, com a implantação de 1,2 km.

Comunicação com os moradores em todas as etapas da obra

Diversas ações de comunicação foram realizadas com a comunidade da Vigorelli em cada etapa da instalação da nova rede: reuniões comunitárias, ação tira-dúvidas e entrega de informativos.

As ações de proximidade com os moradores têm o objetivo de esclarecer sobre a obra, informar as etapas, quais as melhorias com a nova rede, os impactos nas vias durante as intervenções e esclarecer as dúvidas dos moradores.

Nos meses de setembro e outubro, os moradores também foram informados sobre a desativação das redes antigas por meio de visitas de abordagem, comunicado impresso e atendimento presencial de técnicos da Águas de Joinville.

Instalação da rede de esgoto segue em andamento

Em paralelo, a Companhia também executa a instalação de 1,5 km de rede coletora e uma unidade de bombeamento de esgoto.

Além disso, está sendo instalada uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) compacta para atender a comunidade. A ETE deve entrar em operação quando a região estiver com energia elétrica.

Como a rede de esgoto ainda está sendo implantada, os moradores não devem conectar seus imóveis neste momento. Profissionais da Companhia irão comunicar a população quando estiver liberado para realizar a ligação. Também será realizada previamente uma oficina sobre como se conectar corretamente à rede pública de esgoto.

23/10/2023

Águas de Joinville investe quase R$ 60 milhões em obras que vão beneficiar moradores do Jardim Paraíso e região

Se somados os investimentos na implantação da Estação de Tratamento de Esgoto, um Distrito de Medição de Controle, que é uma área totalmente monitorada, e novas redes de esgoto que vão beneficiar moradores dos bairros Jardim Paraíso, Jardim Sofia, Cubatão e parte do Bom Retiro, o investimento da Águas de Joinville chega a R$ 59,5 milhões nesta região da cidade.

A obra da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Jardim Paraíso, que custa R$30 milhões, está 74% concluída. Quando ela entrar em operação deve processar 60 litros por segundo. Nesta semana, o prefeito Adriano Silva esteve no local acompanhando os serviços.

A equipe técnica da Companhia Águas de Joinville explicou ao prefeito a infraestrutura já finalizada e informou que as próximas etapas incluem pintura das unidades, montagem dos equipamentos, assentamento de tubulações, instalação elétrica, pavimentação, cercamento, sinalização e urbanismo da área.

“A ETE do Jardim Paraíso é um complexo com alta tecnologia, com sistemas de altíssimo nível. Inclusive, trazendo tecnologias que a gente ainda não usa na cidade para que não haja odor. Essa estação é um grande legado para a cidade, levando prevenção e saúde para os nossos joinvilenses”, destaca o prefeito durante a visita.

Já foram executadas as obras de unidades de tratamento preliminar, tratamento primário, secundário, tanque de contato e casa de química.

R$ 22 milhões para rede do sistema de esgotamento sanitário

Em paralelo, a Companhia Águas de Joinville está realizando as obras de instalação das redes que fazem parte do sistema de esgotamento sanitário do Jardim Paraíso. O investimento é de aproximadamente R$22 milhões para a implantação de 19 km de tubulação e 10 unidades de bombeamento de esgoto.

Desse total, 3,7 km de redes e um sistema de bombeamento já foram instalados. Atualmente, há frentes de trabalho nas ruas Paulo Malschitzki, Puppis, Callisto, Avenida Santos Dumont e estrada Ponte de Arame.

“Com essas obras, vamos beneficiar cerca de 27 mil moradores dos bairros Jardim Paraíso, Vila Cubatão, Jardim Sofia e parte do Bom Retiro, que passarão a ter coleta e tratamento de esgoto quando a estação for concluída e as redes coletoras entrarem em operação”, destaca Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

Implantação de área monitorada

Outro investimento da Companhia nessa região é a instalação do Distrito de Medição e Controle. Esta é uma área delimitada e isolada dentro do sistema de abastecimento, onde a vazão é monitorada na entrada da área, garantindo agilidade na identificação e no conserto de vazamentos. O custo é de R$7,5 milhões.

Do total de 31,3 km de redes novas, já foram instalados 17,6 km. Os ramais, que são tubulações que levam a água da rua até os imóveis, também estão sendo substituídos. No Jardim Sofia, estão sendo instaladas novas redes de água com objetivo de melhorar o abastecimento para cerca de 6,6 mil moradores do bairro.

17/10/2023

Águas de Joinville instala equipamentos para melhorar o abastecimento na Zona Leste

A Companhia Águas de Joinville realizou, nesse domingo (15), a instalação de equipamentos para otimizar e melhorar o abastecimento e combater perdas de água na região Leste da cidade.

Uma Válvula Redutora de Pressão (VRP) foi instalada no R-1, reservatório localizado na rua Papa João XXIII, esquina com a rua Xavier Arp, e que abastece os bairros Boa Vista, Comasa, Espinheiros, Iririú, Jardim Iririú e Zona Industrial Tupy. A válvula tem a função de estabilizar a pressão da água na rede, evitando rompimentos e aumentando a vida útil da tubulação.

Em paralelo à obra no reservatório, também foi instalado um registro de rede na rua Tenente Paulo Lopes, no bairro Iririú. Com o registro, em caso de manutenções no sistema de abastecimento, é possível isolar um trecho menor e, com isso, reduzir o número de imóveis impactados pela falta de água.

Outra obra ocorreu no bairro Aventureiro, na rua Attílio Domingos Sdrigotti, esquina com a Avenida Miguel Alves Castanha. Foi a instalação de um macromedidor, equipamento semelhante a um hidrômetro.

O equipamento mede o volume de água que chega na região, dado que é enviado em tempo real ao Centro de Inteligência em Operações da Águas de Joinville. O monitoramento on-line possibilita a detecção de problemas na rede e agilidade nos consertos de vazamentos, reduzindo o tempo que uma região fica sem água.

“A implantação dos equipamentos também beneficia o abastecimento de ruas em locais altos e fins de rede, pois com o controle e regulagem da pressão, o número de vazamentos fica reduzido, direcionando mais água para as regiões distantes e altas”, explica Danielle Radaelli Dias, coordenadora de Melhorias Operacionais e Serviços da Companhia.

26/09/2023

Obras da adutora do Sistema Piraí Sul avançam na rua Boehmerwald

A Companhia Águas de Joinville iniciou, nessa segunda-feira (25), uma nova fase das obras da adutora do Sistema Piraí Sul. A instalação da tubulação na rua Boehmerwald avança e chega à rua João da Costa Júnior.

O local terá interdição parcial do trânsito durante todo o período de obras, que está previsto para ser concluído nessa região até 2 de outubro.
Como é uma área de grande movimento, o trecho conta com sistema de pare e siga durante o horário de obras, que é das 8h às 19h de segunda a sexta-feira, e nos sábados, quinzenalmente.

Também está sendo realizada a instalação de um semáforo para controle do tráfego na esquina da rua Boehmerwald com a rua João da Costa Júnior. Além disso, agentes de trânsito orientam o fluxo de motoristas, motociclistas e pedestres nos horários de pico.

Nessa etapa de obras, a adutora vai atravessar a rua João da Costa Júnior e continuar na rua Boehmerwald. Quando esse trecho estiver concluído, a tubulação seguirá pelas ruas Eva Bento Poleza, Rodrigo Luiz Gonçalves e Vitor Bueno.

Outra frente de trabalho ocorre em uma lateral da Estrada Fernão André Gomes, no bairro Nova Brasília, até 5 de outubro. Nesse trecho também há interdição parcial de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e quinzenalmente aos sábados.

Obra está 60% concluída

Com investimento de R$ 50 milhões, a obra da adutora do Sistema Piraí Sul está 60% concluída. A tubulação, que terá extensão de 10 km no total, levará água da futura Estação de Tratamento de Água (ETA) Piraí Sul, no bairro Nova Brasília, até reservatórios da região Sul.

Quando estiver em operação, o sistema Piraí Sul beneficiará 160 mil moradores dos bairros Adhemar Garcia, Boehmerwald, Fátima, Itinga, Jarivatuba, João Costa, Paranaguamirim, Parque Guarani, Profipo, Santa Catarina e Ulysses Guimarães.

15/09/2023

Águas de Joinville utiliza novo sistema de pavimentação em ruas com mais movimentação de veículos

Com o objetivo de melhorar o trânsito em ruas que receberam obras na rede de água e esgoto e possuem grande fluxo de veículos, a Companhia Águas de Joinville começou a utilizar um novo sistema para repavimentação. O objetivo é liberar o trânsito de forma mais rápida e segura, após a conclusão do serviço.

Após o local receber uma obra ou passar por manutenção, é necessário aguardar que o solo seja compactado para receber o asfalto definitivo. Uma prática comum é a colocação de material para que a via fique no mesmo nível do asfalto. Porém, parte do material acaba se espalhando na rua com a passagem dos veículos.

Para minimizar esse impacto, ao finalizar as obras de manutenção, está sendo utilizada uma técnica denominada pintura asfáltica nos recortes abertos. A medida é uma solução provisória, até a aplicação do pavimento definitivo.

“O novo procedimento dará mais segurança aos motoristas e procura evitar problemas com reposições no pavimento nessas vias que recebem grande fluxo de veículos. A aplicação do ligante ou do asfalto frio é realizada rapidamente. Assim, o tempo de interdição no trânsito é pequeno”, afirma Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

Como funciona a técnica

Esse recurso de pavimentação provisória será usado em ruas com grande movimento, além de vias que possuem Unidades de Pronto Atendimento, hospitais, escolas e Unidades do Corpo de Bombeiros.

O investimento estimado no período de 2023 até 2025, é de R$ 3 milhões. Na prática, serão utilizados dois tipos de material, um para dias secos e outro para dias de chuva.

Em dias secos, após o fim da manutenção na rede e fechamento da vala, é colocada uma quantidade de bica corrida, um material serve como base para posterior aplicação do revestimento. Por cima dela, é aplicado um ligante asfáltico que evita a saída das pedras. Depois, é colocado pó de pedra e a vala é compactada com uma placa vibratória.

Em dias de chuva, será aplicado asfalto frio, material resistente à água, sobre a bica corrida. Depois, também é passada a placa vibratória. Nos dois casos, após a compactação, o pavimento é marcado com as palavras “Provisório CAJ” e a via fica liberada para o trânsito.

Com essa marcação de “provisório”, as pessoas que passarem pelo local têm a informação de que a Companhia vai voltar ao endereço para fazer a pavimentação definitiva, após a compactação do solo.

Essa técnica passou por uma etapa de estudos, análise e levantamento de custos antes da implantação. Nos meses de julho e agosto, também foi realizada uma fase de testes com a aplicação dos novos processos nas ruas Padre Kolb e Inambu. Na rua Timbó, onde a companhia está fazendo intervenções necessárias para ampliação da rede, o recurso também foi utilizado, pois é uma via que vai continuar recebendo benfeitorias.

O prazo para pavimentação definitiva continua sendo três dias úteis, tempo necessário para acomodação do material e programação da equipe que aplica o concreto asfáltico a quente.

30/08/2023

Reunião com moradores tira dúvidas sobre obras da rede de esgoto do Jardim Sofia e Jardim Paraíso

A Companhia Águas de Joinville realiza, na quarta-feira (30/8), uma reunião comunitária sobre as obras de esgotamento sanitário que estão ocorrendo na região Nordeste de Joinville. O evento será na Escola Senador Rodrigo Lobo (rua Cuba – Jardim Sofia), das 19h às 20h30.

O tema da reunião será a instalação de redes de esgoto em andamento nos bairros Jardim Paraíso e Jardim Sofia. No encontro, os moradores dessas regiões poderão esclarecer dúvidas sobre as obras.

Atualmente, há frentes de trabalho na avenida Santos Dumont, próximo ao Garten Shopping, e nas ruas Manoel Calixto, Canopus e Profeta Isaías. As intervenções estão sendo executadas de segunda a sexta-feira e não interrompem o trânsito, pois ocorrem nas calçadas.

Quando há necessidade de realizar os serviços na rua, a interdição é programada preferencialmente para os fins de semana ou para a noite, quando há menor fluxo de veículos e com menos impacto para a comunidade.

Investimento nas novas redes é de R$ 16 milhões

A implantação de redes na região Nordeste faz parte do sistema de esgotamento sanitário do Jardim Paraíso, que engloba também os bairros Vila Cubatão, Jardim Sofia e parte do Bom Retiro.

As obras em andamento, que têm investimento de R$ 16 milhões, devem ser concluídas no primeiro semestre de 2024. Nesta etapa, ao todo, serão implantados 19 km de rede e dez unidades de bombeamento. Até o momento, 32% da obra foi concluída.

A tubulação instalada levará o esgoto da região para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Jardim Paraíso, unidade que começou a ser construída em setembro de 2022 e deve ser finalizada em 2024.

Com as redes coletoras ativas e a estação em pleno funcionamento, cerca de 5 mil metros cúbicos de esgoto por dia receberão tratamento adequado. Aproximadamente 27 mil moradores da região serão beneficiados.

25/08/2023

Águas de Joinville investe R$ 675 mil na implantação de novas redes de água

A Companhia Águas de Joinville concluiu as obras de reestruturação da rede de água na rua São Paulo, no trecho entre as ruas Walter Eichholz e Monsenhor Gercino, e na rua Alfredo Wersdoerfer, no bairro Paranaguamirim. O investimento total foi de aproximadamente R$ 675 mil e as melhorias beneficiam cerca de 4,5 mil moradores.

Nas duas regiões, as redes foram instaladas antes da pavimentação e das obras de drenagem programadas pela Prefeitura de Joinville. A antecipação tem o objetivo de evitar recortes em asfalto novo em caso de intervenções futuras no sistema de abastecimento.

Por isso, as novas redes de água das ruas São Paulo e Alfredo Wersdoerfer foram instaladas na calçada. “Sem o impacto diário do tráfego de veículos sobre a tubulação, o risco de vazamentos reduz. Em caso de manutenções emergenciais, também evitamos as interdições no trânsito e as intervenções na rede são executadas com mais agilidade”, explica Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

Na rua São Paulo, foi realizada a substituição de 2,1 km de redes de abastecimento. A obra também englobou a troca de 95 ramais, que são tubulações que ligam a rede da rua aos imóveis, a substituição de quatro registros antigos e a instalação de 27 novos registros de água.

Os trabalhos, que ocorreram na região que abrange ruas dos bairros Floresta, Itaum e Petrópolis, tiveram início em abril desse ano e foram concluídos em agosto.

Já na rua Alfredo Wersdoerfer, foram instalados 700 metros de rede em toda a extensão da via. A obra, que começou no final de julho e foi finalizada no mês de agosto, também incluiu a troca de 55 ramais, além da instalação de quatro registros de água.

A melhoria executada vai possibilitar também a futura implantação, no Paranaguamirim, de um Distrito de Medição e Controle (DMC), área isolada do sistema de abastecimento que permite o controle da pressão e vazão da água, tornando mais rápida a detecção de vazamentos.

Compatibilização do calendário de obras entre Prefeitura e Águas de Joinville

A antecipação das melhorias na rede de água, antes da pavimentação das vias, ocorre desde 2021 e está alinhada a um trabalho conjunto entre Prefeitura e Águas de Joinville. Essa ação é chamada de compatibilização de obras.

Nas ruas em que há previsão de nova pavimentação a ser executada pela Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), ou ainda por iniciativa comunitária, a Águas de Joinville avalia a necessidade de readequação ou de instalação de uma nova rede de água no local, a fim de evitar futuras aberturas no pavimento.

O alinhamento entre os cronogramas de obras da Prefeitura e da Companhia já ocorreu na primeira fase da duplicação da rua Ottokar Doerffel e também nas ruas XV de Novembro, Albano Schmidt, Helmuth Fallgatter, João Pessoa, Tenente Antônio João, Blumenau e Copacabana.

23/08/2023

Águas de Joinville orienta moradores da Zona Sul sobre como fazer a ligação na rede de esgoto

No próximo sábado (26/8), a Companhia Águas de Joinville realiza no bairro Petrópolis, o evento “CAJ na comunidade – Como fazer a conexão na rede de esgoto”. A ação será das 8h30 às 12h, na Associação de Moradores Conjunto Habitacional Monsenhor Sebastião Scarzello (rua dos Radialistas, 323, bairro Petrópolis).

Fiscais e técnicos da Águas de Joinville estarão à disposição para explicar como fazer a ligação correta do encanamento de esgoto do imóvel à rede coletora da rua e esclarecer dúvidas sobre as obras da Companhia na região.

Como parte das obras de implantação da rede de esgoto na zona Sul está concluída, cerca de 1,5 mil imóveis localizados nos bairros Petrópolis, Itaum e João Costa, poderão conectar-se à rede pública de esgoto.

Durante essa semana, os moradores que podem fazer a ligação estão sendo informados e orientados em casa pela Companhia. Nos imóveis onde os proprietários não são encontrados, é deixado um material informativo dizendo que a ligação está autorizada. O morador também é informado na fatura com a seguinte mensagem: “rede de esgoto disponível”.

A área de atendimento social também estará presente para orientar a população sobre a tarifa social, que é um desconto na conta de água concedido aos moradores de baixa renda. Além de explicar quais os critérios para ter acesso ao benefício, os atendentes vão cadastrar os moradores que se enquadram no perfil.

Zonas Sul e Sudeste têm cerca de 70% de rede de esgoto implantada

As obras de esgotamento sanitário das regiões Sul e Sudeste, que possuem investimento de R$ 75,8 milhões somente nas etapas em execução, beneficiam moradores dos bairros Boehmerwald, Guanabara, Fátima, Itaum, Itinga, Jarivatuba, João Costa, Parque Guarani, Petrópolis e Santa Catarina. Do total de 196 km de redes coletoras planejados para essa região, 140 km foram instalados, o que corresponde a 71%.

Atualmente, há frentes de obra nos bairros João Costa, Parque Guarani e Boehmerwald. Devido a extensão do projeto, ele foi dividido em sete etapas, que podem ocorrer simultaneamente. Três delas foram concluídas, três estão em execução e uma ainda será iniciada. A previsão é que todas as etapas sejam concluídas até 2025, beneficiando mais de 60 mil joinvilenses.

23/08/2023

Moradores do Boa Vista podem participar de reunião sobre as obras da Águas de Joinville nesta quarta-feira

A Companhia Águas de Joinville realiza, nesta quarta-feira (23/8), uma reunião comunitária sobre as novas redes de esgoto que estão sendo implantadas no bairro Boa Vista, onde 70% das obras estão concluídas. O evento ocorrerá na Associação de Moradores e Amigos do Boa Vista (rua São Leopoldo, n° 947).

A reunião vai tratar da segunda etapa da implantação do sistema de esgotamento sanitário na região. As obras desta fase estão em andamento, com a instalação de 44 km de redes coletoras e duas estações de bombeamento. Durante a apresentação, os moradores poderão esclarecer dúvidas sobre a rede de esgoto.

Com investimento de R$ 21,2 milhões, esta obra no bairro Boa Vista prevê a instalação de 63 km de redes e quatro estações elevatórias. A primeira etapa, que contempla 19 km de redes coletoras, foi concluída e a previsão é que a segunda etapa seja finalizada em 2024.

16/08/2023

Águas de Joinville bate recorde em redução de desperdício com modernização da rede e do controle de fornecimento

O período entre junho de 2022 e o mesmo mês deste ano registrou um resultado histórico na redução de perdas de água em Joinville. Pela primeira vez a Companhia Águas de Joinville (CAJ) atingiu um indicador de perdas abaixo da média nacional. O feito se repetiu no período de julho a julho, quando a redução bateu novo patamar. Investimentos em modernização da rede e em tecnologia para controle do fornecimento fizeram com que a companhia evitasse a perda de 2,7 bilhões de litros de água em 12 meses, o que abasteceria a cidade por cerca de 20 dias.

Perda de água é o volume do recurso que sai da estação de tratamento mas não chega ao consumidor final. Existem perdas reais, que são os vazamentos, e perdas aparentes, que são as fraudes e erros de medição do hidrômetro.

Quando a Companhia assumiu os serviços de água e esgoto de Joinville, no acumulado do ano 2005/2006, as perdas totais eram estimadas em 62,7%. Entre junho de 2022 e junho de 2023 as perdas totais foram de 39,5%, enquanto entre julho e julho, o percentual caiu para 39%. A média nacional é 40,1%, segundo o Instituto Trata Brasil.

“Graças aos investimentos dos últimos anos e ao trabalho da nossa equipe técnica, estamos conseguindo reduzir essa perda gradualmente. A maior parte do resultado é pela redução de vazamentos em redes e ramais, mas também impactam o controle de irregularidades e de erros de medição”, afirma Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

Uma iniciativa que contribui para a redução de perdas é a renovação da infraestrutura do sistema de abastecimento. Obras de modernização focadas especialmente nas regiões do Bucarein, Jardim Sofia, Iririú e Jardim Iririú, estão permitindo criar regiões com vazão de água controlada, o que agiliza a identificação e consertos de vazamento.

Os trabalhos de setorização do abastecimento somam investimento de R$ 22,1 milhões e incluem a substituição de 83 km de rede. Estas obras foram concluídas no Bucarein e estão em andamento no Jardim Sofia e no Iririú e Jardim Iririú. Além disso, de janeiro de 2022 a julho de 2023, foram investidos ainda R$ 17,2 milhões na substituição de 12,6 mil ramais na cidade. Ramais são tubulações que levam a água da rua até a residência.

O combate aos vazamentos ocultos também tem relevância no resultado. Uma equipe se dedica diariamente à busca ativa de vazamentos que não afloram no asfalto. De janeiro de 2022 a julho de 2023, foram identificados e reparados 3,6 mil vazamentos não visíveis. O aparelho geofone ajuda os técnicos a encontrarem rompimentos de rede pelo som em um trabalho feito à noite e de madrugada, quando há menor tráfego de veículos. Outra equipe também faz o hasteamento, que é a escuta e identificação de vazamentos em ramais.

Já a instalação de Válvulas Redutoras de Pressão (VRPs) contribuem para estabilizar a pressão da água de acordo com o volume de consumo, evitando rompimentos e aumentando a vida útil da tubulação. Hoje, são 28 válvulas em operação. Apenas neste ano, foram investidos R$ 550 mil em cinco válvulas. Um exemplo de sucesso desta ação está na zona Leste, onde as obras nas ruas Nelson Brandão e Araraquara, além de ações de pesquisa e conserto de vazamentos, geraram redução de 30% no volume de água perdido na região.

Investimentos na Zona Sul

Ainda neste ano, a Companhia Águas de Joinville começa os investimentos em um pacote de obras focado em combater perdas de água na Zona Sul. Os trabalhos incluem trocas de redes e ramais, setorizações e equipamentos para controle de pressão. Com as ações, a expectativa é de reduzir, em até dois anos, em aproximadamente 30% o volume de água perdido na Zona Sul.

15/08/2023

Equipamento que melhora a distribuição de água no bairro Vila Nova entra em operação

A Companhia Águas de Joinville finalizou a implantação de uma unidade de bombeamento na rua Dante Nazato, esquina com a rua Leopoldo Beninca, no bairro Vila Nova. O equipamento entrou em operação nessa segunda-feira (14/8).

A motobomba irá melhorar a pressão e vazão da água na região, em especial de residências e empreendimentos situados em locais altos. A unidade também possibilita um retorno mais rápido do abastecimento em caso de intervenções emergenciais na rede.

Além da instalação do equipamento, foi executada a substituição de um registro de rede de água e instalados 200 metros de uma nova tubulação para possibilitar o funcionamento da motobomba. A obra de melhoria, que beneficia cerca de 800 moradores do bairro, tem investimento total de R$ 50 mil.

O funcionamento dessa e de outras 79 bombas pressurizadoras existentes na cidade é monitorado 24 horas por dia, de forma remota, por meio do Centro de Inteligência em Operações da Águas de Joinville. O acompanhamento permite um controle mais eficaz da pressão da água distribuída, reduzindo a ocorrência de rompimentos de rede.

08/08/2023

Águas de Joinville realiza consultas públicas sobre obras de esgoto na Zona Sul

A Companhia Águas de Joinville realiza, durante este mês, três consultas públicas presenciais sobre as obras de esgotamento sanitário na região Sul. A primeira ocorre no bairro Fátima nesta terça-feira (8), às 19h, na Paróquia São João Batista de Fátima (rua Miosótis, 145).

A outra será no bairro Boehmerwald, na quarta-feira (9), às 19h, na Associação de Moradores Escolinha (rua Adolfo da Veiga, 650). E uma terceira consulta ocorrerá no bairro Paranaguamirim, no dia 15 de agosto, às 19h, na Escola Estadual Básica Marli Maria de Souza (rua Éfeso, 514).

Em todas essas reuniões serão apresentados os projetos de implantação da rede de esgoto nos bairros Adhemar Garcia, Boehmerwald, Fátima, Itinga, Jarivatuba, Parque Guarani, Petrópolis, Profipo, Santa Catarina e Paranaguamirim, além de investimentos e melhorias para a região.

No Adhemar Garcia, Fátima e Jarivatuba estão previstos 101 km de rede de esgoto e também a implantação das estações elevatórias – equipamentos que fazem o bombeamento do esgoto até a estação de tratamento. No total, cerca de 2,6 mil imóveis serão atendidos com a rede coletora.

Já no Boehmerwald, o projeto prevê a instalação de estações elevatórias e aproximadamente 32 km de rede de esgoto, para atender cerca de 8 mil imóveis, tanto no Boehmerwald, quanto no Itinga, Parque Guarani, Petrópolis, Profipo e Santa Catarina.

No Paranaguamirim, além das estações elevatórias, serão 105 km de rede e cerca de 10 mil imóveis passarão a ser atendidos com a coleta de esgoto. No Fátima e Boehmerwald, as obras devem iniciar nos próximos meses; no Paranaguamirim, a previsão é iniciar em 2026.

O objetivo ao realizar as consultas públicas é ouvir a comunidade, levantar contribuições dos participantes e esclarecer dúvidas. As reuniões são abertas para todos os moradores que quiserem participar e, nos locais, também haverá espaço infantil para apoio aos cuidados com as crianças.

02/08/2023

Águas de Joinville finaliza obras na rede de água dos bairros Vila Nova e Zona Industrial Norte

Com um investimento de R$ 130 mil, a Companhia Águas de Joinville realizou duas obras na rede que vão resultar na melhoria do abastecimento para moradores dos bairros Vila Nova e Zona Industrial Norte.

No Vila Nova, foi instalado um sistema de bombeamento na rua Dante Nazato, na esquina com rua Leopoldo Beninca. O equipamento irá melhorar a pressão e vazão da água na região, em especial de residências e empreendimentos situados em locais altos, mesmo em dias e horários de grande consumo.

A unidade de bombeamento entra em operação dentro de 15 dias. O funcionamento dessa e de outras 78 bombas pressurizadoras existentes na cidade é monitorado 24 horas por dia, de forma remota, por meio do Centro de Inteligência em Operações da Águas de Joinville. O acompanhamento permite um controle mais eficaz da pressão da água distribuída.

O equipamento também possibilita um retorno mais rápido do abastecimento em caso de manutenções na rede de água. A obra, que beneficia cerca de 800 moradores do bairro, tem investimento de R$ 50 mil.

Na Zona Industrial Norte, foi realizada uma ampliação da rede de água na rua Hans Dieter Schmidt, próximo ao trevo da empresa Whirlpool. O bairro ganhou uma nova tubulação, instalada na calçada, que contribui para a segurança hídrica da região e reduz transtornos no trânsito em caso de intervenções na rede de abastecimento.

No local, foram instalados 400 metros de rede em Polietileno de Alta Densidade (PEAD), material mais flexível e menos suscetível a vazamentos. A obra se deve à construção do elevado do Eixo Industrial Norte. O investimento de R$ 80 mil, viabiliza a desativação de um trecho de 700 metros de rede antiga que está instalado embaixo do elevado.

Após um estudo técnico, foi definido o local mais adequado para implantação da nova tubulação, que não interferisse nas obras viárias em andamento. “Fizemos um reforço de rede para atender a região que se encontra em expansão, e em material mais resistente ao tráfego de cargas das indústrias”, explica Rivanildo Pessoa Geremias, coordenador de Adução e Distribuição da Águas de Joinville.

26/07/2023

Companhia Águas de Joinville faz parceria para utilizar lodo para melhorar qualidade de solo para plantação

A Companhia Águas de Joinville (CAJ) e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) firmaram neste mês uma parceria para realizar estudos sobre o uso do lodo de esgoto como fonte de nutrientes no cultivo de milho e aveia.

A pesquisa vai focar na aplicação do lodo, após etapa de desinfecção, para melhorar a qualidade de solos arenosos e argilosos onde são cultivados os grãos. O estudo será realizado em uma fazenda experimental da própria universidade, próximo à cidade de Florianópolis.

“Diferentemente da compostagem, em que o lodo passa por um processo em ambiente controlado, o uso direto consiste em desinfetar o material e aplicar diretamente nas culturas. Esse material é chamado de biossólido”, explica Gustavo Tonon, engenheiro sanitarista da Águas de Joinville.

Após o processo de tratamento de esgoto, a parte sólida resultante – o lodo de esgoto –, passa pelo deságue, isto é, de retirada da água. Após a compostagem, obtém-se um fertilizante rico em nutrientes, como nitrogênio e fósforo, que pode ser aplicado na agricultura e na recuperação de solos.

O fertilizante obtido tem certificação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), ou seja, está dentro das normas sanitárias vigentes. Além disso, o lodo de esgoto deixa de ir para o aterro, prolongando a vida útil do local.

“Nossa equipe técnica estuda outras formas de aproveitamento do lodo de esgoto considerando seu potencial de transformação e o convênio firmado fortalece esse tipo de iniciativa, com foco na sustentabilidade.”, finaliza Sidney Marques de Oliveira Junior, presidente da Companhia.

O aproveitamento do resíduo do tratamento de esgoto já é realizado pela Águas de Joinville desde 2022, por meio da técnica de compostagem. A empresa contratada faz o transporte do lodo e o destina para locais que trabalham na fabricação de fertilizante orgânico. Atualmente a Companhia destina, por mês, 74 toneladas do lodo resultante do processo de tratamento de esgoto, o que corresponde à reciclagem de 18% do lodo gerado.

21/07/2023

Tubulação de água para abastecer comunidade Anaburgo será 2,5 vezes maior que a atual

A Companhia Águas de Joinville está implantando uma tubulação 2,5 vezes maior do que a existente em um trecho de 3,9 km da Rodovia do Arroz, entre as ruas XV de Novembro e Anaburgo. A atual tubulação de 100 milímetros será substituída por outra de 250 milímetros para ampliar o fornecimento de água. O investimento é de R$ 2,7 milhões.

As atuais redes estão sobrecarregadas devido ao crescimento populacional e expansão da região. “Essa é uma demanda antiga da comunidade Anaburgo, de melhoria do abastecimento de água. Com a obra finalizada, os moradores terão disponibilidade de água com pressão normal”, explica o diretor-presidente da Companhia, Sidney Marques de Oliveira Junior.

Entre as melhorias, estão ainda a implantação de uma rede de reforço, que ampliará a pressão hidráulica para os imóveis atendidos, beneficiando cerca de 2,8 mil moradores. Outro diferencial é que o material desta tubulação é em polietileno de alta densidade, mais moderno e flexível.

Nesta fase, a obra não interfere no fornecimento de água para a região. A rede está sendo instalada na lateral da via e depois que o trabalho for finalizado, a rede antiga será desativada. Quando for concluída essa etapa, ocorrerão interrupções pontuais no abastecimento para interligações de rede, que serão comunicadas pela Águas de Joinville com antecedência. Onde ocorrem os serviços, também há sinalização na via.

A obra faz parte do Programa Joinville Bem Tratada e a equipe técnica utiliza, em alguns pontos, o Método Não Destrutivo, que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. Este método reduz significativamente o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos como abertura de grandes extensões de valas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito em trechos maiores.

10/07/2023

Águas de Joinville convida moradores do Jardim Sofia para reunião sobre melhorias na rede

A Companhia Águas de Joinville realiza nesta terça-feira (11), uma reunião comunitária sobre as obras de melhoria na rede de água que estão sendo realizadas no bairro Jardim Sofia. A reunião será na Escola de Educação Básica Senador Rodrigo Lobo (localizada na rua Cuba), das 19h até por volta de 20h30.

O objetivo da reunião é estabelecer um diálogo com a população, informar sobre o andamento da obra e esclarecer as dúvidas. O encontro é gratuito e aberto para todos os moradores do bairro.

As intervenções na rede de água que estão ocorrendo no Jardim Sofia fazem parte da implantação do Distrito de Medição e Controle, obra que iniciou em fevereiro desse ano. Com investimento de R$ 7,5 milhões, a conclusão está prevista para o segundo semestre de 2024. A melhoria irá beneficiar cerca de 5,5 mil moradores do bairro.

Um Distrito de Medição e Controle é uma região onde a vazão de água é monitorada na entrada da área, o que garante agilidade na identificação e no reparo de vazamentos. A iniciativa faz parte de um pacote de intervenções previstas no Plano Diretor de Água da Companhia, com foco na redução de perdas de água.

A região receberá, no total, 31,3 km de redes novas e ramais – tubulação que leva a água da rua até os imóveis. O material da nova rede é o PEAD, um polietileno de alta densidade, e que é mais moderno em relação à tubulação convencional.

O trabalho vem sendo executado nas calçadas e parte da obra é realizada pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. O MND reduz significativamente o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos com abertura de valas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito.

03/07/2023

Com investimento de R$ 50 milhões, adutora Piraí Sul está com 30% da obra concluída

Neste final de semana, a Companhia Águas de Joinville realizou mais uma etapa da obra para implantação da adutora da futura Estação de Tratamento de Água (ETA) Piraí Sul. O trabalho para executar a travessia da tubulação ocorreu na rua Ricardo Eccel, entre a rotatória e a rua Afonso Moreira, no Boehmerwald.

Atualmente, 30% das obras foram finalizadas, o que corresponde a 3 km de rede já instalados. O investimento é de aproximadamente R$ 50 milhões e beneficiará cerca de 160 mil pessoas.

“A implantação da adutora é a primeira etapa desse grande projeto que é construir uma estação de água e entregar um sistema ainda maior e melhor para atender a população com a ETA Piraí Sul”, destaca Sidney Marques de Oliveira, diretor-presidente da Águas de Joinville.

O projeto Sistema Piraí Sul envolve diversas etapas, que vão desde a implantação de redes até a construção da estação de tratamento de água.

A adutora abrange a implantação de 10 km de tubulação de grande diâmetro. Essa etapa foi realizada na Estrada Fernão André Gomes e nas ruas Parati, Áustria, Cidade de Surubim, Cidade de Vera Cruz, Cidade de Patos de Minas e Santa Catarina. Essa tubulação levará água da estação de tratamento até os reservatórios que abastecerão a população, em maior parte da região Sul de Joinville.

Duas frentes de trabalho estão em andamento

Outra etapa para implantação da adutora ocorre na rua Waldemiro José Borges, no trecho entre a rua Áustria e a Afonso Moreira. Nesse local, as obras vão até o final de julho e, para a realização dos serviços, há necessidade de interdição parcial.

Uma segunda frente de trabalho está na rua Portugal, também com interdição parcial, e com previsão de finalização até agosto. Nesse trecho, os trabalhos são realizados de segunda a sexta-feira e, quinzenalmente, aos sábados.

Nova rede de água implantada no Aventureiro

Ainda com o objetivo de melhorar o fornecimento de água, moradores da rua Prado, no Aventureiro, foram beneficiados com a implantação de uma nova rede neste final de semana.

A melhoria foi incluída entre os investimentos recentes da Companhia Águas de Joinville com o objetivo de atender a região com mais vazão e pressão de água, reforçando o sistema de abastecimento existente no local.

Os serviços ocorreram de 28 de junho a 2 de julho, no trecho entre a Emílio Landman e a Bonito Lindo. A repavimentação do trecho que recebeu a melhoria será realizada ainda nesta semana.

29/06/2023

Águas de Joinville investe R$ 8 milhões em sistema que beneficia 15 mil pessoas

A Companhia Águas de Joinville finalizou a implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC) no bairro Bucarein. A partir de agora, cerca de 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu são beneficiados com o sistema que possibilita mais agilidade na identificação de vazamentos e, durante os reparos, a interrupção do abastecimento de água impacta uma região menor.

O investimento de R$ 8,1 milhões garantiu também a instalação 25 km de redes e ramais em polietileno de alta densidade, material mais moderno em relação à tubulação anterior. As últimas etapas da obra foram a finalização da repavimentação de alguns locais e o teste de estanqueidade, procedimento que comprova que a nova rede de água está bem vedada, sem vazamentos.

“Com a rede nova, aliada ao monitoramento 24 horas da vazão de entrada e de saída dessa região, a detecção de vazamentos é feita em tempo real pela nossa equipe do Centro de Inteligência em Operações, e os consertos serão executados com mais agilidade”, destaca Sidney Marques de Oliveira, diretor-presidente da Águas de Joinville.

Os trabalhos para implantação do DMC foram executados nas calçadas e a maior parte da obra foi realizada pelo Método Não Destrutivo, que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. Essa técnica reduz o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos com abertura de valas extensas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito.

27/06/2023

Obra na rede de água na Ottokar Doerffel é realizada antes da duplicação da via

A Companhia Águas de Joinville iniciou nesta segunda-feira (26), melhorias na rede de água na rua Ottokar Doerffel, no bairro Anita Garibaldi. A região vai receber uma rede nova, que será implantada nos passeios e conectada à rede já existente, além da troca de ramais, que são as tubulações que levam água da rua até os imóveis.

Nessa primeira etapa, serão implantados 180 metros de rede em PEAD, tubulação considerada mais moderna e resistente, no trecho que vai da Coronel Santiago até a rua Porto União.

Além da rede passar a ser nas calçadas, o que facilita para manutenção, reduz os custos nas intervenções e gera menos transtornos, também terá um diâmetro maior que o atual, ampliando a vazão de água nesse trecho.

Essas melhorias estão sendo implantadas pela Companhia antes da obra de duplicação da via, que será realizada pela Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra).

“Estamos dando continuidade às ações de trabalho em conjunto, visando a compatibilidade de obras entre a Companhia e a Prefeitura. Dessa forma, causamos menos impacto nas vias e à comunidade, realizando as intervenções de água antes da pavimentação e evitando recortes futuros nas ruas”, explica Janine Alano, diretora Operacional.

Essa é a primeira etapa de melhoria na rede de água relacionada à obra na Ottokar Doerffel, com a maior parte da intervenção ocorrendo no passeio. Nesta segunda e terça-feira, está sendo realizada a implantação da rede. Em outra data, ainda no mês de julho, será feito o entroncamento, que é quando a rede nova passa a ser conectada à rede existente.

23/06/2023

Intervenções para melhorias na rede de água serão realizadas neste domingo no Boa Vista

A Companhia Águas de Joinville irá realizar intervenções na rede de água em dois pontos do bairro Boa Vista, no próximo domingo (25/6), a partir das 13h.

O objetivo é executar o reparo de vazamentos não visíveis (VNVs) identificados na região. Esses vazamentos não aparecem no asfalto e são detectados por meio de aparelhos específicos. Porém, mesmo sem serem visíveis, esses vazamentos podem interferir no abastecimento, inclusive diminuindo a pressão com que a água chega nas unidades consumidoras. Além disso, as obras combatem possíveis perdas de água já tratada.

Os serviços ocorrerão em dois trechos do bairro: um na rua Prefeito Helmuth Fallgatter, na esquina com a rua Óbidos, com interdição parcial. O outro será na rua Pedro Álvares Cabral, esquina com a Albano Schmidt. Neste segundo ponto a interdição será total, com liberação para o trânsito local. A previsão é que os trabalhos sejam concluídos até por volta de 18h de domingo.

Para amenizar o impacto à comunidade local, as obras serão realizadas simultaneamente. “Programamos essas intervenções para o domingo, dia com menos fluxo de veículos, visando causar o menor impacto ao trânsito local e à rotina dos moradores”, explica Janine Alano, diretora Operacional.

Apenas ruas próximas às obras poderão ter abastecimento comprometido durante a realização dos reparos. “Como a região tem a rede de água setorizada, ou seja, são vários registros, conseguimos minimizar também o impacto no abastecimento, que irá ocorrer somente em algumas vias”, complementa Janine.

A pavimentação dos dois trechos está prevista para ocorrer na segunda-feira (26/6).

23/06/2023

Águas de Joinville implanta novas redes de água nos bairros Jardim Iririú e Saguaçu

A Companhia Águas de Joinville finalizou, nesta semana, duas obras necessárias para a instalação de novas redes de abastecimento nos bairros Jardim Iririú e Saguaçu que vão beneficiar os moradores.

O objetivo dessas duas melhorias é reduzir a incidência de vazamentos em regiões pontuais e as interrupções no abastecimento de água dos dois bairros. Na quarta-feira (21/6), a Companhia concluiu a obra de conexão da nova tubulação com a rede existente na esquina da rua Guaíra com a Vice-Prefeito Ivan Rodrigues, no bairro Jardim Iririú.

Outra obra de interligação entre a tubulação nova com a rede existente ocorreu na rua Xanxerê, esquina com a rua Manaus, bairro Saguaçu. A equipe finalizou o trabalho na quinta-feira (22/6).

Os serviços foram realizados pela equipe interna da Companhia Águas de Joinville, que atuou nas duas frentes de trabalho. O fornecimento de água está normalizado.

22/06/2023

Águas de Joinville investe R$ 6,4 milhões em obra na rede de água nos bairros Iririú e Jardim Iririú

A Companhia Águas de Joinville iniciou nesta semana a obra de substituição de 27 km de rede de água nos bairros Iririú e Jardim Iririú. Além da rede, serão trocados 1,8 mil ramais, que são as tubulações que levam água da rua até o imóvel. O investimento na região é de cerca de R$ 6,4 milhões.

Quatorze ruas receberão a melhoria, que beneficiará cerca de 4,7 mil moradores. As obras, que têm conclusão prevista para 2024, estão sendo executadas em sua maior parte nas calçadas, através do Método Não Destrutivo, no qual é possível realizar as intervenções sem abertura de grandes extensões de valas e com menos impacto no trânsito e para a população.

“O objetivo das obras é reduzir a incidência de vazamentos na rede e, consequentemente, diminuir as interrupções no abastecimento de água desses bairros. As ruas que receberão as melhorias foram escolhidas após a realização de estudos técnicos, em que foram identificadas as vias com maior incidência de vazamentos”, explica Alisson Takahashi, diretor de Expansão.

Capacitação sobre características técnicas de Joinville

Trabalhadores da empresa contratada para executar o serviço participaram de uma capacitação antes do início das obras no Iririú e Jardim Iririú. Eles realizaram o curso de Instalações Hidráulicas, oferecido pela Águas de Joinville através do programa Rede de Oportunidades. São aulas teóricas e também práticas, essas nos canteiros de obras da Companhia, realizadas em parceria com o Senai-SC.

“Embora os profissionais já tenham conhecimento técnico, o curso foi importante para que eles conhecessem as particularidades da cidade, como características de solo e tipo de rede. Além disso, com a capacitação eles conheceram o padrão de qualidade da Companhia, o que contribui para uma entrega ainda melhor dos nossos serviços à comunidade”, destaca Alisson.

Confira quais ruas vão receber as novas redes

Rua Senador Rodrigo Lobo
Rua Coronel Vieira
Rua Rocha Pombo
Rua Tabatinga
Rua Frontin
Rua Jaime Gomes Coelho
Rua Nair Gonçalves Pereira
Rua Darci Pinto
Rua do Porto
Rua das Gaivotas – entre Rua Frontin e Coronel Vieira
Rua Riacho de Santana – entre Rua Frontin e Senador Rodrigo Lobo
Rua dos Tucanos – entre Rua Frontin e Senador Rodrigo Lobo
Rua das Cegonhas – entre Rua Frontin e Senador Rodrigo Lobo
Rua Areia Branca – entre Rua Frontin e Odilon Rocha Ferreira

12/06/2023

Com investimento de quase R$ 3 milhões, Águas de Joinville inicia nova etapa das obras na Vigorelli

Desde maio, a Companhia Águas de Joinville trabalha para a implementação de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) compacta na Vigorelli. Em paralelo, a Companhia também executa a instalação de 1,5 km de rede coletora de esgoto e de 1,6 km de rede de água. O investimento da Águas de Joinville na região é de R$ 2,9 milhões.

“A implantação do sistema de esgotamento sanitário na comunidade vai promover mais qualidade de vida aos moradores e melhorar a balneabilidade local, contribuindo para o fortalecimento dessa região”, destaca Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

A coordenadora de projetos de expansão da Companhia, Grasiela Breis, explica sobre a ETE compacta e sua tecnologia: “Trata-se de um sistema com injeção de oxigênio, característica que confere mais eficiência na qualidade do efluente final.” A obra da ETE deve ser concluída ainda em 2023 e entrará em operação quando a região estiver com energia elétrica.

Como a rede de esgoto ainda está sendo implantada, os moradores não devem conectar seus imóveis neste momento. Profissionais da Companhia irão comunicar e orientar a população quando estiver liberado para realizar a ligação.

Moradores são comunicados a cada etapa da obra

A Águas de Joinville está realizando visitas domiciliares na Vigorelli para explicar sobre as obras que estão em andamento e esclarecer as dúvidas dos moradores. Até o momento, 50% das residências já receberam os técnicos. O objetivo é visitar as 130 famílias nas próximas semanas.

Essa visita é um trabalho que faz parte da rotina de projetos da Companhia durante obras de implantação ou expansão de rede. Um colaborador vai de casa em casa para avisar, dar informações e tirar dúvidas sobre as intervenções e os impactos que podem trazer no dia a dia dos moradores.

Com o objetivo de comunicar cada etapa da obra, a Companhia realizou outros momentos de aproximação com a comunidade da Vigorelli nesse ano. Dentre eles, reunião comunitária, oficina de água e ação tira-dúvidas com técnicos e agentes socioambientais.

06/06/2023

Águas de Joinville realiza reunião comunitária sobre nova rede de abastecimento na Rodovia do Arroz 

A Companhia Águas de Joinville realiza, na próxima terça-feira (6/6), uma reunião comunitária sobre as obras de melhoria na rede de água que ocorrerão na Rodovia do Arroz, bairro Vila Nova. A reunião será realizada na Escola Municipal Anaburgo (localizada na rua Anaburgo, número 1747), das 19 horas até por volta de 20h30. O encontro é aberto para todos os moradores do bairro que quiserem participar e tirar dúvidas sobre as obras.  

Além da substituição da rede existente, será instalada uma rede de reforço na Rodovia do Arroz. Dessa forma, a rede será dupla em diversos trechos da via. No total, serão implantados 3,9 km de tubulação, entre a rua Quinze de Novembro e a Anaburgo. A tubulação terá um diâmetro 2,5 vezes maior do que a atual, ampliando a oferta de água para os moradores da comunidade Anaburgo e demais imóveis abastecidos pela rede dessa região.  

O diretor-presidente da Companhia, Sidney Marques de Oliveira Junior, destaca que com essa obra a vazão será suficiente para a demanda atual da região e a nova estrutura de rede também já prevê o atendimento futuro. “Outro aspecto é que a melhoria será executada parcialmente pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação, gerando menos transtorno nas vias”, ressalta. 

No momento, os materiais necessários para as redes de água estão sendo entregues próximo ao local em que as equipes irão trabalhar. A previsão é que a obra inicie em junho. 

A nova rede de água na Rodovia do Arroz faz parte do programa Joinville Bem Tratada, um pacote de obras de saneamento que visam à melhoria do sistema de água e à ampliação do sistema de esgotamento sanitário da cidade. 

23/05/2023

Águas de Joinville realiza melhorias na rede de abastecimento no João Costa

A Companhia Águas de Joinville iniciou, nesta terça-feira (22/5) a substituição de ramais – tubulações que levam água da rua aos imóveis – e o rebaixamento da rede de abastecimento da rua Treviso, no bairro João Costa. Os serviços, que têm previsão para serem concluídos em 30 dias, serão executados de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

O prazo para finalização dos trabalhos poderá ser estendido de acordo com as condições climáticas. Durante a execução, trechos da rua Treviso terão interdição total e serão liberados à medida que cada etapa for concluída. Não haverá interrupção no abastecimento da região durante o período de obras.

“As trocas de ramais já estavam programadas e foram antecipadas pela Companhia para ocorrer antes das obras de requalificação asfáltica a serem executadas pela Prefeitura de Joinville. O objetivo é alinhar as obras da Águas de Joinville com as da Seinfra e evitar futuros recortes no pavimento”, explica Janine Alano, diretora Operacional.

As obras fazem parte do Plano de Gestão de Perdas de Água da Companhia, que auxiliam na redução de vazamentos, em conjunto com outras ações, como a instalação de válvulas para controle da pressão da água na rede e substituições de hidrômetros.

22/05/2023

Águas de Joinville segue com obras de modernização nos reservatórios da cidade

No domingo (21/5), a Companhia Águas de Joinville finalizou a automatização de um equipamento que garante monitoramento on-line de possíveis vazamentos. Essa obra também gera mais agilidade nas obras de manutenção, reduzindo o tempo em que uma região fica sem abastecimento.

Os trabalhos ocorreram no R-7, reservatório que atende cerca de 150 mil moradores dos bairros Aventureiro, Jardim Iririú, Jardim Paraíso, Vila Cubatão, Vigorelli, além de parte do Comasa, Iririú e Zona Industrial Norte.

O reservatório recebeu uma nova válvula automatizada. Antes, a abertura e o fechamento eram feitos manualmente. Agora, é possível realizar manobras de registros e controle de vazão de forma remota e mais rápida.

“Além de reduzir o impacto das obras e rompimentos de rede junto à população, a tecnologia aplicada no sistema de abastecimento também contribui para a redução das perdas de água, porque confere mais agilidade e eficiência na detecção e nos consertos de vazamentos”, diz Sidney Marques de Oliveira Junior, diretor-presidente da Águas de Joinville.

A Águas de Joinville aproveitou o mesmo dia para executar duas obras no bairro Jardim Iririú, evitando impactos para a comunidade em outras datas.

Em dois trechos da rua Waldemar João Domingos, houve a instalação de registros de rede. Esses registros isolam um trecho menor durante manutenções na tubulação e, com isso, reduzem o número de imóveis atingidos por falta de água no caso de situações inesperadas.

Outros reservatórios também serão automatizados

Os reservatórios R-2 e R-6 também terão válvulas automatizadas ainda em 2023. O R-2 abastece cerca de 52 mil moradores dos bairros Santo Antônio, Costa e Silva e Zona Industrial Norte. A previsão é de que a melhoria comece a ser executada na próxima quinta-feira (25/5).

Já o R-6 atende 9 mil pessoas que residem na Zona Industrial Norte e no distrito de Pirabeiraba. Em abril deste ano, a Companhia fez a automatização da válvula do R-8, reservatório localizado no Bom Retiro e que abastece cerca de 85 mil pessoas dos bairros América, Bom Retiro, Costa e Silva, Iririú, Jardim Sofia, Saguaçu, Santo Antônio e Zona Industrial Norte.

17/05/2023

Águas de Joinville instala nova tubulação na rede de esgoto da rua Timbó

A Companhia Águas de Joinville realiza a instalação de uma nova rede de esgoto na rua Timbó, no trecho entre as ruas Presidente Campos Salles e Padre Anchieta, no bairro Glória. Até a rua Marquês de Olinda, a rede foi implantada na calçada. Agora, no ponto onde a equipe estiver trabalhando, é necessário interditar parcialmente a via. Essa interdição ocorre diariamente, entre 8h30 e 17h.

No total, são 630 metros de tubulação, das quais faltam ser instalados 270 metros. “Agora precisamos executar a obra em parte da via. É o trecho mais difícil devido à profundidade e a ocorrência de interferências de outras redes”, explica Diego Ghisi, gerente de Esgoto da Águas de Joinville.

A instalação de uma nova tubulação que conduz o efluente coletado foi necessária devido ao aumento de vazão na região e à definição de novos parâmetros de projetos apontados no Plano Diretor de Esgoto, estudo que direciona as ações e investimentos da Companhia para atingir a universalização da cobertura de esgotamento sanitário em Joinville.

Atualmente, todo o fluxo de esgoto de parte dos bairros Glória e América está concentrado em um único coletor-tronco situado na rua Max Colin. “A obra de melhoria vai permitir que o esgoto proveniente de uma grande área seja dividido em duas partes, desviando uma delas através da nova tubulação na rua Timbó até próximo à unidade de bombeamento”, finaliza Diego.

15/05/2023

Obras de modernização da rede de água no Eixo Copacabana têm mais uma etapa concluída

A Companhia Águas de Joinville concluiu, na segunda-feira (15/5), diversos entroncamentos de rede, que são as conexões entre a nova rede instalada na rua Copacabana e as tubulações existentes em vias laterais, todas entre as ruas Schiler e Ibirapuera. Quatro equipes trabalharam simultaneamente, durante todo o dia, para que os serviços fossem realizados com mais eficiência e agilidade.

A nova tubulação da rua Copacabana foi instalada nas calçadas, com o objetivo de minimizar os impactos durante manutenções no sistema de abastecimento. “A Águas de Joinville está realizando a modernização da rede de água na rua Copacabana, alinhada às obras de pavimentação e drenagem a serem executadas pela Seinfra, reduzindo, assim, a ocorrência de transtornos no trânsito e futuros danos no asfalto”, explica Janine Alano, diretora operacional da Águas de Joinville.

As intervenções fazem parte das melhorias na rede de água previstas para a região do Eixo Copacabana. Cerca de 80% dos trabalhos programados pela equipe da Companhia já foram executados. Além da nova rede, também está sendo realizada a troca de ramais na região, que é a substituição da tubulação que leva água da rua à unidade consumidora. Até o momento, cerca de 220 ramais foram substituídos por novos em polietileno de alta densidade, material mais resistente.

Também foram instalados 74 registros de manobra e três novos pontos de macromedição nessa região. Os registros de rede isolam um trecho menor durante manutenções na tubulação, reduzindo o número de imóveis atingidos. Os macromedidores, equipamentos que se assemelham a hidrômetros, medem o volume de água que passa pela rede, auxiliando também no controle de perdas.

Todas essas intervenções, futuramente, também contribuirão para a redução das perdas de água na região, com mais agilidade e identificação no reparo de vazamentos.

09/05/2023

Investimento de R$ 7,5 milhões vai melhorar sistema de abastecimento de água no Jardim Sofia

Desde o início desse ano, a Companhia Águas de Joinville tem investido cerca de R$ 7,5 milhões no bairro Jardim Sofia, com objetivo de melhorar o sistema de abastecimento de água para cerca de 5,5 mil moradores. A implantação do Distrito de Medição e Controle garante o monitoramento já na entrada da área, o que resulta em agilidade na identificação e no reparo de vazamentos.

“Além disso, quando há necessidade de consertos, conseguimos interromper o abastecimento de água somente de uma região específica, reduzindo a área e a população atingida enquanto o reparo está sendo realizado”, explica Franciele dos Santos, coordenadora de Projetos de Expansão.

A obra iniciou em fevereiro deste ano. Ao todo, serão 31,3 km de redes novas e tubulação que leva a água da rua até a unidade consumidora, em material mais moderno e resistente em relação à tubulação convencional. A conclusão da obra está prevista para 2024.

O trabalho é executado nas calçadas e parte da obra será realizada pelo Método Não Destrutivo, que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. O método reduz significativamente o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos com abertura de valas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito.

Outro bairro beneficiado com o Distrito de Medição é o Bucarein. Nessa região, a obra será finalizada neste semestre. Cerca de 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu serão contemplados.

A implantação dos dois distritos faz parte de um pacote de intervenções previstas no Plano Diretor de Água da Companhia, com foco na redução de perdas de água. As ações do plano têm por objetivo setorizar e reforçar o sistema de abastecimento, substituir infraestruturas e reduzir perdas, garantindo o fornecimento contínuo de água à população.

04/05/2023

Com investimento de R$ 26,8 milhões, ETE Jardim Paraíso vai beneficiar 27 mil joinvilenses

Quem mora ou passa pela avenida Plutão, esquina com a rua Puppis no Jardim Paraíso, vê os investimentos em tratamento de esgoto tornando-se realidade. É que no local, a Companhia Águas de Joinville está construindo a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do bairro, um investimento de 26,8 milhões. A ETE vai beneficiar 27 mil moradores do Jardim Paraíso, Vila Cubatão, Jardim Sofia e parte do Bom Retiro.

“Essa é uma estação que vai tratar 60 litros por segundo, o que significa que cerca de 5 mil metros cúbicos de esgoto por dia receberão tratamento adequado, auxiliando na preservação do meio ambiente. Depois de finalizada, a estação vai contribuir para que a Companhia consiga ampliar a rede de coleta e tratamento de esgoto na região”, afirma Sidney Marques de Oliveira Júnior, diretor-presidente da Companhia.

No terreno onde as obras estão em andamento, foi instalada estrutura para tratamento preliminar, flotadores primários, tanque de lodo primário e floculadores, que são equipamentos que fazem parte do processo de tratamento do esgoto.

“Neste momento, estão sendo preparadas as bases dos sopradores, casa das prensas e tanque de contato, entre outras estruturas necessárias para a estação”, explica Lucia Rodrigues, coordenadora de Projetos de Expansão.

Nos últimos dias, o local recebeu parte dos equipamentos necessários para a operação do sistema. Além disso, seguem os trabalhos para implantação dos setores de tratamento biológico e dos setores administrativos.

A estação terá uma tecnologia para controle de odores, que atende às exigências de órgãos ambientais, com a instalação de lavadores de gases nas unidades de tratamento preliminar. A previsão é que o início da operação ocorra em 2024.

Com as redes coletoras ativas e a estação em pleno funcionamento, a cobertura de esgotamento sanitário de Joinville será de 47,3%.

A construção da ETE Jardim Paraíso faz parte do programa Joinville Bem Tratada, um pacote de obras de saneamento que visam à melhoria do sistema de água e à ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Um dos objetivos do programa é expandir os serviços de coleta e tratamento de esgoto em Joinville, levando saúde para a população e preservando o meio ambiente.

04/05/2023

Águas de Joinville atua na modernização do sistema de abastecimento de água no Eixo Copacabana

Com cerca de 30% dos trabalhos executados e de acordo com o cronograma elaborado, a Prefeitura de Joinville, por meio da Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), avança nas obras de macrodrenagem e pavimentação do Eixo Copacabana.

Na etapa atual, ocorre a execução da drenagem na rua Copacabana, na extensão entre as ruas Schiler e Olaria. Para a execução das obras, há trechos da rua que ficam em meia pista.

De acordo com a programação da Seinfra, durante o mês de maio será concluída a rede de drenagem e a implantação das galerias na rua Francisco Alves. Na sequência ocorre a colocação da capa asfáltica.

Já nas ruas Sorocaba e Antônio Bernardo Tromm, as obras de macrodrenagem e pavimentação asfáltica estão concluídas.

Até o mês de fevereiro, o investimento da Prefeitura de Joinville nas obras de macrodrenagem e pavimentação do Eixo Copacabana foi de R$ 3.017.276,25. O prazo para conclusão do projeto é março de 2024.

No dia 5 de maio (sexta-feira), às 14h, no auditório da Gidion Transporte e Turismo (rua Copacabana, 1308 – Floresta), a Seinfra realiza mais uma reunião com a comunidade do bairro, com o objetivo de compartilhar informações sobre o andamento das obras do Eixo Copacabana. Essas reuniões ocorrem rotineiramente para manter a comunidade informada sobre as etapas em execução.

Modernização do sistema de abastecimento de água

Além das melhorias em drenagem e pavimentação realizadas pela Seinfra, a Companhia Águas de Joinville também está realizando a modernização na infraestrutura do sistema de abastecimento tanto na rua Copacabana, quanto nas laterais, entre as ruas Schiler e a Ibirapuera. A tubulação está sendo instalada nas calçadas, com objetivo de minimizar o impacto durante as intervenções necessárias no sistema de abastecimento e evitar danos no pavimento.

Outra ação que está sendo realizada e que integra o plano de redução de perdas de água é a troca dos ramais, que na prática é a substituição da tubulação que leva água da rua até a unidade consumidora. Até o momento, cerca de 220 foram substituídos por novos em material mais resistente fabricado com polietileno de alta densidade.

Foram instalados também 74 registros de manobra e três novos pontos de macromedição nessa região, que trarão melhorias para o abastecimento local.

“Os registros de manobra nos permitem isolar um trecho menor durante um reparo na rede, causando menos impacto aos moradores, e a macromedição possibilita medir o volume de água em diferentes pontos da rede”, explica Sidney Marques de Oliveira Júnior, diretor-presidente da Companhia.

Cerca de 80% das intervenções necessárias para o Eixo Copacabana relacionadas à rede de água foram finalizadas. Entre as melhorias que ainda serão realizadas, estão a substituição de uma tubulação na rua Schiler, para ampliação da rede de água, um entroncamento na rua Farroupilha, para conectar a rede nova à já existente no local e a substituição de 75 ramais.

03/05/2023

Novas redes de água e equipamento para detectar baixa pressão são instalados no Floresta e Anita Garibaldi

A Companhia Águas de Joinville concluiu, nesta terça-feira (2), a ligação de novas redes de água da rua São Paulo às redes existentes nas ruas Augusto Ernesto Boettcher e Simão Kruger, no bairro Floresta. A melhoria vai reforçar o abastecimento de 1,1 mil moradores dessa região.

Foram implantadas duas novas tubulações de água na rua São Paulo, ambas na calçada, com o objetivo de evitar danos no pavimento e transtornos no trânsito em futuras manutenções.

Tecnologia auxilia na redução de perdas de água tratada

Durante o feriado de 1º de maio, a Companhia também realizou obras de melhoria na rua Copacabana, no bairro Anita Garibaldi. No cruzamento com a Anita Garibaldi, foi feita a troca de registro de rede. Em outra melhoria, houve a instalação de um macromedidor – equipamento que mede o volume de água.

Na esquina da Copacabana com a rua Cristóvão Colombo, onde o macromedidor foi colocado, a via ficará com interdição parcial até a tarde de quarta-feira (3/5) para que haja a cura da caixa de drenagem instalada no local.

Com a implantação do medidor, será possível detectar, em tempo real, anormalidades no sistema, como baixa pressão da água, por meio do monitoramento realizado 24 horas pelo Centro de Inteligência em Operações da Águas de Joinville. A melhoria também contribui para redução de perdas de água. Rompimentos de rede, por exemplo, poderão ser identificados e consertados de forma mais ágil e eficiente.

Nas calçadas, as reposições de pavimento ocorrem à medida que as obras estão sendo finalizadas. Porém, a requalificação asfáltica será realizada pela Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra). O cronograma de obras na rede de água está alinhado às obras de drenagem e asfaltamento da Prefeitura.

“As obras da Águas de Joinville nas ruas São Paulo e Copacabana foram antecipadas para serem executadas antes da pavimentação programada pela Seinfra, com o objetivo de evitar futuros recortes no pavimento”, explica Janine Smania Alano, diretora Operacional da Companhia.

A compatibilização das obras é realizada desde 2021. Quando uma rua vai ser pavimentada, pela Prefeitura ou por iniciativa comunitária, a Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra) informa a Águas de Joinville. Assim, a Companhia toma as providências para realizar as obras na rede, evitando que ocorram após a conclusão da requalificação.

28/04/2023

Escola municipal de Joinville recebe sistema de tratamento biológico de efluentes

A Companhia Águas de Joinville instalou um sistema de tratamento biológico de esgoto, denominado Bioete, na Escola Municipal Professora Valesca May Engelmann, localizada na Estrada Piraí, bairro Vila Nova. O equipamento está em operação, em período de testes.

Na quinta-feira (27/4), técnicos da Companhia estiveram na escola explicando para os alunos e para a equipe pedagógica como o sistema funciona e os benefícios que gera.

O sistema realiza o tratamento no local, tanto da água de pias e ralos, quanto da água que vem de vasos sanitários. A Bioete não gera resíduos, portanto, não há necessidade do serviço posterior de limpa-fossa. Também não precisa de energia elétrica e apresenta baixo nível de manutenção.

O tratamento é realizado biologicamente: uma colônia de micro-organismos faz a degradação e a descontaminação da matéria orgânica. Os sólidos do esgoto são totalmente eliminados durante o processo e, por isso, o sistema não exala mau cheiro. Ao final, é liberada na saída uma água limpa, que pode ser utilizada para regar plantas, lavar calçadas ou ser destinada para rios e lagos.

O projeto faz parte da parceria técnica entre a Companhia Águas de Joinville e uma empresa de soluções ambientais, cujo objetivo é avaliar o grau de eficácia e eficiência da unidade de tratamento, os custos de operação e manutenção e atendimento aos padrões definidos pela legislação ambiental, entre outros aspectos.

“O foco é verificar e validar soluções simplificadas que, futuramente, poderão ser utilizadas e atender regiões rurais e isoladas, que não estejam contempladas no plano de expansão do sistema de esgotamento sanitário do município, garantindo, assim, o tratamento adequado de efluentes para Joinville como um todo”, informa Thiago Zschornack, gerente de Inovação da Águas de Joinville.

A equipe técnica da Companhia realizará as coletas e análises periódicas do efluente tratado, bem como o monitoramento das possíveis manutenções do sistema. O período de testes vai durar 12 meses e, se aprovada, a Bioete poderá ser implantada em outras localidades rurais da cidade.

26/04/2023

Águas de Joinville realiza oficinas sobre água para moradores do Boa Vista e Vigorelli

Técnicos e agentes socioambientais da Companhia Águas de Joinville vão realizar duas oficinas sobre água nesta semana.

Na quarta-feira (26/4) será no bairro Boa Vista, às 19 horas, na sede da Associação de Moradores e Amigos do Bairro Boa Vista (AMABBV), na rua São Leopoldo, 947.

Na comunidade Vigorelli será na próxima sexta-feira (28/4), às 15 horas, no galpão do Santos. Em ambos os locais, as capacitações serão gratuitas e podem participar jovens a partir dos 16 anos e adultos.

Durante as oficinas, que têm cerca de 1h30, os participantes terão oportunidade de aprender como encontrar vazamentos e como padronizar uma ligação nova de água. A padronização da ligação consiste em instalar a caixa-padrão, compartimento que abriga o hidrômetro e é instalado na testada do terreno.

Além disso, os moradores receberão informações sobre a tarifa de água, um panorama geral sobre o sistema de abastecimento e a distribuição de água na cidade, funcionamento do hidrômetro e orientações para a limpeza da caixa d´água, que deve ser feita a cada seis meses.

Para tirar dúvidas e solicitar informações, os interessados podem entrar em contato com o setor socioambiental da Companhia Águas de Joinville pelo WhatsApp (47) 99923-7394.

24/04/2023

Águas de Joinville finaliza obras no sistema de abastecimento

A Águas de Joinville finalizou, na noite de domingo (23/4), a obra de melhoria no R-8, reservatório localizado na rua Caçapava, bairro Bom Retiro. A Companhia substituiu um registro na saída da unidade e que estava instalado no local desde o início da operação do reservatório. Essa melhoria vai contribuir com mais agilidade na execução de reparos na região.

Os bairros abastecidos pelo reservatório – Bom Retiro, Saguaçu, Santo Antônio e Jardim Sofia – terão o fornecimento de água normalizado no decorrer da madrugada de domingo para segunda-feira (24/4).

Além dessas regiões, algumas localidades dos bairros América, Aventureiro, Costa e Silva, Iririú e Zona Industrial Norte tiveram interrupção no abastecimento, com normalização também prevista para a madrugada.

Como o abastecimento precisou ser interrompido para realizar a manutenção preventiva no reservatório, outras obras de melhoria foram executadas em bairros atendidos pelo R-8: na rua Piratuba, próximo à rua Tenente Antônio João, onde houve a instalação de um novo registro; na rua Xanxerê, esquina com a Iririú, que recebeu uma interligação de rede; e na Itaiópolis, esquina com a Avenida Beira-Rio, local que também recebeu a instalação de registro.

A repavimentação das ruas que receberam as obras será realizada após a compactação do solo. As datas serão informadas pela Companhia, pois precisam ser em dias sem chuva.

A manutenção preventiva no flocodecantador da Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cubatão, programada para esse domingo, também foi concluída. A ETA Cubatão já opera normalmente com 100% da capacidade produtiva.

20/04/2023

Águas de Joinville realiza obras no sistema de abastecimento de água no domingo

A Companhia Águas de Joinville realiza uma obra de melhoria no R-8, reservatório localizado na rua Caçapava, bairro Bom Retiro, no próximo domingo (23/4). Será substituído um registro na saída da unidade.

Por isso, os bairros abastecidos pelo reservatório – Bom Retiro, Saguaçu, Santo Antônio e Jardim Sofia – terão o fornecimento de água comprometido durante o dia.

Além disso, algumas localidades dos bairros América, Aventureiro, Costa e Silva, Iririú e Zona Industrial Norte também podem ter interrupção temporária no abastecimento. A normalização do sistema em toda a região deve ocorrer na madrugada de domingo para segunda-feira (24/4).

Mais três obras estão programadas para domingo, em regiões atendidas pelo reservatório R-8, com interdições parciais no trânsito das 7h às 17h. Na rua Piratuba, será substituído um registro de rede, próximo à rua Tenente Antônio João.

Na rua Xanxerê, na esquina com a Iririú, será executada uma interligação de rede. E na rua Itaiópolis, será instalado um novo registro, próximo à esquina com a Avenida Beira-Rio.

“Como o abastecimento precisa ser interrompido para que possamos realizar a manutenção preventiva no reservatório, aproveitamos a mesma data para executar obras de melhoria em bairros atendidos pelo R-8, evitando impactos para a comunidade em outras datas”, explica Jean Tragibo de Campos, gerente de Água.

ETA Cubatão vai operar com 70% da capacidade

No domingo, também haverá uma manutenção preventiva no flocodecantador da Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cubatão. Por isso, a estação vai operar com 70% da sua capacidade de produção das 2h da madrugada até 18 horas de domingo. Bairros das regiões Norte, Leste e Sul de Joinville, atendidas pela unidade, podem ter pressão da água reduzida durante o dia.

O principal objetivo das manutenções preventivas nas estações de tratamento de água é proporcionar segurança operacional, evitando paradas emergenciais com maior duração.

Em caso de chuva forte, a manutenção na ETA será mantida, porém as obras nas ruas podem ser adiadas.

Para evitar transtornos, a Companhia orienta que os motoristas utilizem rotas alternativas e evitem passar pelos locais de obras. Além disso, a Águas de Joinville também recomenda a colocação de caixa-d’água nas residências. O reservatório deve ter capacidade adequada para o número de residentes no imóvel, que é de 200 litros por morador.

17/04/2023

Devido à chuva, melhoria no Bucarein é reagendada para quarta

A obra de melhoria que seria realizada nesta segunda-feira, na rua Cais Conde d’Eu, no Bucarein, teve que ser remarcada para a próxima quarta-feira (19) devido à chuva.

A Companhia Águas de Joinville irá realizar no local a interligação de uma rede nova com a rede já existente. Essa é uma das últimas intervenções para a implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC), obra em andamento no bairro.

Para a realização da obra, as ruas Urussanga e suas laterais terão o abastecimento comprometido durante o dia, com previsão de normalização ainda na quarta à noite. Além disso, a rua Cais Conde d’Eu estará com interdição total das 8h30 às 17h.

Bairros Aventureiro, Glória e João Costa recebem obras de melhoria nesta quarta-feira (19)

A Companhia Águas de Joinville realiza, na próxima quarta-feira (19), obras de melhoria na rede de abastecimento de água dos bairros Aventureiro, Glória e João Costa.

No Aventureiro, será instalada uma Válvula Redutora de Pressão (VRP) na rede de distribuição da rua Habib Farah, na altura do número 45. O objetivo é regular o fluxo de água e atuar na redução de perdas da região.

Para a instalação da válvula, será necessário fazer uma obra de travessia no local. Por isso, o trecho entre as ruas Tuiuti e Juvenil precisará ser totalmente interditado das 7h às 17h.

Durante esse período, o bairro Aventureiro poderá ter o abastecimento de água comprometido. A normalização do sistema se dará na noite do mesmo dia.

Já no Glória, também na quarta-feira (19), será executado um entroncamento de rede na rua Quinze de Novembro, em frente à Expoville. Haverá interdição parcial de trânsito no local, das 9h às 17h.

Devido à obra, moradores das proximidades da BR-101 terão o abastecimento comprometido durante o dia. O retorno do fornecimento de água na região deve ocorrer na noite de quarta-feira.

Na rua Treviso, localizada no bairro João Costa, a Companhia irá concluir o deslocamento da rede de água para o passeio, obra que está sendo realizada antes da Prefeitura de Joinville executar a pavimentação asfáltica na via.

Será necessário o desligamento do sistema de bombeamento que atende a região para realizar os entroncamentos na rede, ou seja, conectar a rede nova com a já existente. Por isso, parte do bairro terá o abastecimento comprometido durante o dia, com a normalização prevista para a madrugada de quarta para quinta-feira (20).

Para a realização da melhoria, a rua Treviso, entre as ruas Jair da Maia e Francisco Manoel Xavier, terá interdição total do trânsito.

A compatibilização de obras é uma ação conjunta da Companhia com a Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra) para que locais que vão receber obras de requalificação passem antes por melhorias na rede, evitando que ocorram após a conclusão da requalificação.

13/04/2023

Companhia Águas de Joinville realiza interligação de nova rede no bairro Bucarein

Na próxima segunda-feira (17/4), a Companhia Águas de Joinville irá realizar a interligação de uma rede nova com a rede já existente na rua Cais Conde d’Eu, no Bucarein.

Essa é uma das últimas intervenções que será realizada para a implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC), obra em andamento no bairro.

Devido à obra, algumas ruas do Bucarein terão seu abastecimento comprometido durante o dia, com previsão de normalização ainda na segunda à noite. Além disso, a rua Cais Conde d’Eu estará com interdição total das 8h30 às 17h.

A implantação do Distrito de Medição faz parte de um pacote de intervenções previstas no Plano Diretor de Água da Companhia, com foco na redução de perdas de água. Através dessa melhoria, será possível mais agilidade na identificação e no reparo de vazamentos, além de impactar menos moradores nos momentos em que é preciso interromper o abastecimento.

05/04/2023

Rua São Paulo recebe obras de melhoria na rede de água

A Companhia Águas de Joinville inicia, nesta quarta-feira (5/4), uma sondagem da rede de abastecimento na rua São Paulo, bairro Floresta. Após a execução do serviço, serão realizadas trocas de ramais e também a implantação de uma nova rede de água de polietileno de alta densidade (PEAD), material mais flexível e resistente a rupturas em relação à tubulação convencional.

As melhorias ocorrem antes da requalificação asfáltica a ser executada pela Prefeitura de Joinville, com o objetivo de evitar recortes no pavimento. As obras não devem impactar o abastecimento de água do bairro. Haverá interdições de trânsito pontuais, em sua maioria parciais, durante a realização dos serviços.

As trocas de ramais também estão sendo executadas em outras vias da região. Na rua Barra Velha, o trabalho já foi iniciado e deve ser concluído nesta semana. Na rua Guarujá, a previsão é que as trocas de ramais tenham início já nesta quinta-feira (6/4). À medida que a Companhia finaliza sua parte, a Prefeitura inicia o serviço de requalificação de pavimento e as obras de drenagem nas ruas.

O investimento da Prefeitura de Joinville nas obras de requalificação de três ruas da Zona Sul vai ser superior a R$ 12 milhões e vai contemplar 3,5 quilômetros de pavimentação das ruas São Paulo (trecho entre a Monsenhor Gercino e a Simão Kruger), Barra Velha (trecho entre a São Paulo e a Santa Catarina), e Guarujá (trecho entre a São Paulo e a Barra Velha).

Compatibilização de obras é realizada desde 2021

Quando uma rua vai ser pavimentada, pela Prefeitura ou por iniciativa comunitária, a Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra) informa a Águas de Joinville. A partir daí, a Companhia toma as providências para realizar as obras na rede.

Esse trabalho de compatibilização das obras é uma ação conjunta da Companhia com a Seinfra para que locais que vão receber obras de requalificação passem antes por melhorias na rede, evitando que ocorram após a conclusão da requalificação.

Desde 2021, a Companhia intensificou a execução de obras considerando o cronograma de pavimentação da Prefeitura. A compatibilização já foi realizada nas ruas XV de Novembro, Albano Schmidt, Helmuth Fallgatter, João Pessoa, Tenente Antônio João e Blumenau, entre outras. A iniciativa ocorre, por exemplo, no trecho em obras do Eixo Copacabana.

31/03/2023

Águas de Joinville realiza obra de melhoria no sistema de abastecimento de água neste domingo

A Companhia Águas de Joinville realiza uma obra de melhoria no Reservatório R-8, neste domingo (2/4), que fica localizado na rua Caçapava, no bairro Bom Retiro. No local será executada a troca de um registro, mudança que contribuirá para minimizar o tempo de desabastecimento de água em obras que poderão ser realizadas futuramente.

Para a execução do serviço, será necessário interromper o abastecimento de água de algumas regiões dos bairros América, Bom Retiro, Costa e Silva, Iririú, Jardim Sofia, Santo Antônio, Saguaçu, e Zona Industrial Norte (próximo à Univille e ao Garten Shopping), durante o domingo.

A previsão de retorno do fornecimento de água é para a noite do mesmo dia, com normalização na madrugada de segunda-feira (3/4).

30/03/2023

Unidade de atendimento central da Águas de Joinville muda para novo endereço

A partir da próxima terça-feira, (4/4), a unidade de atendimento da Companhia Águas de Joinville do Centro estará em um novo endereço, localizado na rua Tijucas, 213, próximo ao Museu do Sambaqui. O horário de atendimento ao público permanece das 8h às 16h.

Em função da mudança de endereço, no dia 3 de abril, segunda-feira, não haverá atendimento presencial. Porém, os serviços podem ser solicitados por meio de outros canais como o 115 ou 0800 723-0300 ou no site aguasdejoinville.com.br.

Neste novo local, o joinvilense terá a facilidade do Atendimento Expresso. Já na entrada será feita uma triagem para direcionar os usuários que requerem serviços menos complexos para esse tipo de atendimento, agilizando as solicitações. Como, por exemplo, solicitação de segunda via da fatura, religação de água e consulta de débitos.

Além disso, a unidade é mais ampla e oferece acessibilidade e conforto, como área kids, local próprio para amamentação e banheiro adaptado para pessoas com deficiência.

“Um dos pilares da Companhia Águas de Joinville é a experiência do usuário, e esse espaço contribui para uma experiência de atendimento mais humanizada, ágil e mais eficiente”, explica Marcos Pires, assessor de relacionamento da Águas de Joinville.

Por estar localizado em uma área residencial, o espaço possibilita o estacionamento de veículos nos dois lados da rua, além das vagas exclusivas para idosos e cadeirantes em frente ao prédio. A nova Unidade de Atendimento fica a 900 metros do Terminal Central, além de estar em meio a diversos estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços.

28/03/2023

Águas de Joinville apresenta projetos de saneamento básico para a comunidade da Vigorelli

A Companhia Águas de Joinville realiza nesta terça-feira (28/3), às 19h, uma reunião com os moradores da comunidade Vigorelli. O encontro ocorrerá na Estrada João de Souza Mello e Alvim, 128, no galpão do Sr. Santos.

A Companhia apresentará os projetos de rede de água, rede de esgoto e a construção da estação de tratamento de esgoto compacta que será instalada na região. A segunda fase das obras inicia ainda neste semestre. Serão cerca de 130 famílias beneficiadas na comunidade.

A primeira fase das obras foi concluída em 2022, com a implantação de 1,2 km de redes de abastecimento. A segunda fase contempla a instalação de 1,5 km de rede coletora de esgoto e de 1,6 km de rede de água. O pacote de obras também prevê a instalação de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) compacta localizada próximo à estrada de acesso à Vigorelli. O investimento total nessas obras é de R$ 2,9 milhões e cerca de 130 famílias serão beneficiadas.

“Vamos apresentar o cronograma de obras para que as pessoas estejam informadas com relação à movimentação de trabalhadores e maquinário na região”, afirma Grasiela Breis, coordenadora de projetos de expansão.

A Companhia também vai explicar para a comunidade sobre os critérios para o morador se enquadrar na tarifa social e sobre a importância de preparar as instalações hidráulicas de suas casas e instalar a caixa-padrão, compartimento que abriga o hidrômetro.

A reunião desta terça-feira terá a participação das Secretarias de Cultura e Turismo, Habitação e Infraestrutura Urbana da Prefeitura de Joinville.

A implantação do sistema de esgotamento sanitário e as melhorias no abastecimento de água no local fazem parte do projeto de Regularização Fundiária (Reurb) da Vigorelli.

Entre as ações previstas para a região da Vigorelli está o contato com a comunidade para orientação e acompanhamento da população que mora no local. Por isso, encontros como o desta terça-feira também serão realizados por outras secretarias municipais.

06/03/2023

Águas de Joinville amplia vagas para cursos gratuitos de instalações hidráulicas e de pavimentação 

A Companhia Águas de Joinville, em parceria com o Senai Joinville, abre inscrições para as turmas de 2023 dos cursos de Instalações Hidráulicas e de Pavimentação e Calcetaria. Serão 480 vagas, número bem maior que em 2022 quando foram ofertadas 160 vagas. 

Os dois cursos de qualificação profissional são 100% gratuitos e incluem material didático, alimentação no horário do curso e deslocamento do Senai para os locais das aulas práticas. Além disso, a partir deste ano, alunos inscritos no CadÚnico recebem vale-transporte fornecido pela Prefeitura de Joinville, por meio do Centro Público de Atendimento aos Trabalhadores (Cepat).   

As inscrições podem ser feitas pelo site da Águas de Joinville (bit.ly/RedeOportunidades). Como o programa é contínuo, conforme as vagas forem sendo preenchidas, atingindo o número limite de participantes, os selecionados serão comunicados e novas turmas iniciam as aulas. 

A parte teórica dos cursos é realizada nas dependências do Senai e a prática acontece nos canteiros de obras da Águas de Joinville. Serão disponibilizadas turmas em dois formatos: um deles no período diurno (8h às 12h e das 13h30 às 17h30) com aulas de segunda a sexta-feira, e outro com aulas teóricas no período noturno durante os dias da semana (18h30 às 22h30) e aulas em campo aos sábados, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. 

Em cada curso são 21 alunos, no máximo, e a idade mínima para participar é de 18 anos completos. A carga horária é de 40 horas, tanto para Instalações Hidráulicas como para Pavimentação, com 30% das vagas prioritárias para mulheres. 

“As capacitações fazem parte do programa Rede de Oportunidades, cujo objetivo é melhorar a qualidade dos serviços de saneamento em Joinville, ao mesmo tempo que promove geração de renda, com educação inclusiva”, explica Adriana Loth, coordenadora de Desenvolvimento Humano Organizacional.   

O encanador André da Cunha, que se formou em Instalações Hidráulicas no final de 2022, ressalta a importância do curso para a formação profissional. “Me ajudou bastante, o professor explica muito bem, foi muito produtivo. Para quem está começando agora agrega bastante para conhecer as peças, o trabalho na rua, em campo”, conta.    

Já o calceteiro Leoncio Domingo Correa, que completou o curso de Pavimentação, destaca o valor da formação continuada: “O curso foi muito bom, ele ajuda a pegar mais experiência. Mais para frente quero fazer o curso de Instalações Hidráulicas”.    

Ao final, os alunos recebem o certificado de conclusão do curso. Os profissionais formados poderão atuar em prestadores de serviços da Companhia Águas de Joinville, ou ainda como profissionais autônomos.     

Mais informações sobre os cursos podem ser obtidas pelo telefone do Senai (47) 3441-7734 (WhatsApp).   

Parceria com o Cepat proporciona auxílio para alunos   

A novidade de 2023 é o apoio da Prefeitura de Joinville, por meio do Cepat, para o fornecimento de vale-transporte aos alunos dos cursos de Instalações Hidráulicas e de Pavimentação e Calcetaria.    

O benefício será concedido aos participantes inscritos no CadÚnico e busca auxiliar quem mais precisa na obtenção de emprego e renda. No site da Prefeitura há informações sobre o que é o CadÚnico, para quem o programa é destinado e como se inscrever (bit.ly/CadUnicoJlle).     

Além do fornecimento de vale-transporte, o Cepat atua no programa Rede de Oportunidades como ponto de encontro entre as empresas contratantes e os profissionais preparados para preencher as vagas ofertadas. A Companhia Águas de Joinville orienta suas prestadoras de serviço a cadastrar novas vagas no Cepat, mantendo o banco de empregos sempre atualizado. 

28/02/2023

Águas de Joinville realiza obra de melhoria no bairro Boa Vista a partir de terça-feira

A Companhia Águas de Joinville informa que, nesta terça-feira (28), inicia uma obra de melhoria na rede de água da rua Aubé, bairro Boa Vista, a partir das 7 horas. Por isso, parte dos bairros Boa Vista, Saguaçu e Bucarein têm o abastecimento comprometido durante o dia, com normalização na madrugada de terça para quarta-feira (1º/3).

Na terça (28), haverá interdição parcial da rua Aubé, próximo à rua Prefeito Helmuth Fallgatter, das 7h às 17h. Na quarta-feira (1º/3), a obra terá continuidade, com interdição parcial da outra pista, também das 7h às 17h. O abastecimento de água permanece normalizado durante a quarta-feira.

A previsão é que o trabalho se estenda até domingo (5/3), mas com fornecimento de água normal e sem bloqueio do trânsito, com uso apenas da lateral da via. A obra, que é a instalação de um macromedidor na rede, faz parte da implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC) do Bucarein, uma área delimitada do sistema de abastecimento com vazão de água monitorada.

Quando finalizado, o DMC vai possibilitar mais agilidade na identificação de vazamentos e, durante os reparos, a interrupção do abastecimento de água atingirá uma região menor. A obra vai beneficiar cerca de 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu.

17/02/2023

Águas de Joinville implanta nova rede de abastecimento em Pirabeiraba

A Companhia Águas de Joinville implanta, no próximo domingo (19/2), uma melhoria na rede de abastecimento de água em Pirabeiraba. O local recebeu uma nova rede e agora é necessário interligar essa rede com a existente.

Para que a equipe técnica possa realizar o serviço, será necessário interromper o abastecimento na região central de Pirabeiraba (no sentido Curitiba, na margem direita da BR-101) durante o domingo. A previsão é que o fornecimento de água seja restabelecido até segunda-feira (20).

“O objetivo com essa melhoria é a modernização da rede de água da região e, em caso de vazamento, evitar danos na estrutura da rodovia. No início de fevereiro, houve um rompimento na rede localizada próxima ao viaduto, na rua Olavo Bilac. Durante os serviços, foi constatado que a tubulação de água nesse ponto é antiga e passa por dentro de uma caixa de drenagem. Esse trecho será desativado”, explica Jean Tragibo de Campos, gerente de Água da Companhia.

Com o objetivo de gerar o mínimo de impacto possível à comunidade local, a obra foi dividida em duas etapas, sendo a primeira através de método não destrutivo. Essa etapa ocorreu entre os dias 10 e 12 de fevereiro, quando profissionais da Companhia instalaram a estrutura necessária da rede nova. Os trabalhos foram realizados no canteiro da BR-101, sob o viaduto de Pirabeiraba.

O método não destrutivo (MND) possibilita implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde é instalada a tubulação, amenizando os impactos no trânsito local e agilizando o tempo de realização da intervenção.

“A nova tubulação tem cerca de 150 metros de extensão e diâmetro maior para aumentar a disponibilidade de água considerando o aumento da região, conforme definido no nosso plano diretor”, explica Jean. Além disso, a nova rede é de PEAD (polietileno de alta densidade), material mais flexível e mais resistente a rupturas em relação à tubulação convencional.

15/02/2023

Regiões Oeste e Sul de Joinville recebem obras na rede de água nessa semana

A Companhia Águas de Joinville realiza, nos próximos dias, três melhorias na rede de abastecimento de água da cidade.

Na quinta-feira (16), serão instalados registros e será realizado um deslocamento de rede na rua Áustria.

Por isso, os bairros Profipo e Santa Catarina (região ao sul do km 4) terão fornecimento de água comprometido durante o dia. O retorno do abastecimento deve ocorrer ainda na noite de quinta-feira.

Na Estrada Blumenau, também na quinta-feira (16), será realizada uma obra no macromedidor do reservatório que abastece a região. O macromedidor é um equipamento semelhante a um hidrômetro, mas mede grandes vazões de água.

Para realizar esse serviço, a partir das 13h, será necessário interromper o abastecimento do bairro Vila Nova e região da zona rural. A previsão é restabelecer o sistema na noite de quinta-feira.

Já na sexta-feira (17), a Águas de Joinville instala um registro na rede de água da rua Waldemiro José Borges.

Devido à obra, os bairros Santa Catarina (região ao norte do Km 4), Boehmerwald, Petrópolis e Parque Guarani terão abastecimento comprometido durante o dia, com normalização até o período da noite.

As intervenções estão sendo realizadas para melhorar o sistema de abastecimento e vão contribuir para aumentar a disponibilidade de água nessas regiões.

Para evitar transtornos durante as obras na rede, a Companhia recomenda a colocação de caixa-d’água nas residências. O reservatório deve ter capacidade adequada para o número de residentes no imóvel, que é de 200 litros por morador.

20/01/2023

Obra na rede de água do bairro Bucarein continua nesta sexta-feira

A Companhia Águas de Joinville informa que dará continuidade, nesta sexta-feira (20), à obra de melhoria na rede de água do bairro Bucarein. A região está recebendo intervenções frequentes, ao longo do mês de janeiro, para a implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC).

Na etapa de sexta-feira, a rua Morro do Ouro, na esquina com a Inácio Bastos, estará em obras para a instalação de uma rede de água nova com a rede existente. Por isso, o trânsito terá interdição parcial nesse trecho das 7h às 17h.

A intervenção não afetará o fornecimento de água do bairro todo. O abastecimento estará comprometido na rua Inácio Bastos e laterais ao leste da Avenida Coronel Procópio Gomes. A previsão de normalização é para o período da noite.

Quando estiver concluída, a melhoria vai beneficiar cerca de 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu. A implantação do distrito de medição permitirá mais agilidade na identificação e no reparo de vazamentos, além de impactar menos moradores nos momentos em que é preciso interromper o abastecimento.

Até a conclusão da obra, outras intervenções serão realizadas na região do Bucarein. A Companhia irá comunicar as datas e locais.

17/01/2023

Comunidade pode participar de reunião sobre sistema de abastecimento de água Piraí Sul

Nesta quarta-feira (18), a Companhia Águas de Joinville realiza uma reunião comunitária para falar sobre a futura Estação de Tratamento de Água (ETA) Piraí Sul e a nova tubulação, chamada de adutora, que será necessário implantar para levar a água da estação aos reservatórios.

O encontro será na Casa dos Arautos do Evangelho, que fica localizada na Estrada Fernão André Gomes, nº 1500, bairro Nova Brasília. A reunião vai iniciar às 19h e deve durar cerca de 1h30.

A participação na reunião é aberta à comunidade e, para os moradores do entorno das obras, a Companhia entrega um convite nas residências. As reuniões têm como objetivo principal ampliar o entendimento da população a respeito das obras da Águas de Joinville.

Além disso, após a apresentação do projeto, será aberto espaço para considerações, sugestões e esclarecimento de dúvidas da comunidade.

ETA Piraí Sul

O projeto Sistema Piraí Sul é amplo e envolve diversas etapas, que vão desde a implantação de redes de água até a construção da estação de tratamento de água.

Essa é a primeira reunião comunitária sobre o assunto. Nesse momento, o enfoque será a obra da nova tubulação, que levará água da estação para os reservatórios que abastecerão a população, em maior parte da região sul de Joinville.

As obras de instalação das redes de água iniciam no primeiro trimestre desse ano. Serão implantados 10 km de tubulações novas, que passarão por diversas ruas da zona Sul, começando pelas ruas Áustria e Fernão André Gomes.

A previsão de finalização dessa parte da obra, com a implantação da adutora, é para o segundo semestre do ano que vem. Também está previsto para 2024 o início da obra da Estação de Tratamento de Água (ETA) Piraí Sul.

Hoje, Joinville tem duas estações de tratamento de água: a ETA Cubatão, que abastece 75% da cidade, e a ETA Piraí, que abastece 25%.

17/01/2023

Águas de Joinville dá continuidade à obra no bairro Bucarein nesta terça-feira

Nesta terça-feira (17/1), a Companhia Águas de Joinville dá continuidade à obra de melhoria na rede de água no bairro Bucarein. Até às 17h, o trecho da rua Inácio bastos, no cruzamento com a rua Curitibanos estará parcialmente interditado.

Neste local, a Companhia faz a interligação da rede de água nova com a rede existente. O fornecimento de água no bairro Bucarein ficará comprometido em algumas ruas e a previsão é que o abastecimento normalize até o período da noite. Esta é mais uma etapa da implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC), obra que vai beneficiar cerca de 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu, quando for concluída.

Com o Distrito de Medição e Controle a vazão é monitorada já na entrada da área, o que garante agilidade na identificação e no reparo de vazamentos. Além disso, quando há necessidade de consertos é possível interromper o abastecimento de água somente de uma região específica, reduzindo a área e a população atingida enquanto o reparo está sendo realizado.

16/01/2023

Companhia Águas de Joinville tem novo presidente a partir de hoje

Com 10 anos de experiência em gestão de empresas que atuam com a concessão de serviços de água e esgoto, Sidney Marques de Oliveira Junior assumiu nesta segunda-feira (16), o cargo de diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

O novo presidente tem uma sólida carreira profissional de 25 anos e é formado em Ciências Contábeis, com pós-graduação em Administração Financeira, MBA em Gestão Financeira e de Infraestrutura e mestrado em Administração de Empresas. Já trabalhou em empresas responsáveis pelos serviços de água e esgoto em São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Sidney assume com o propósito de dar andamento aos investimentos, projetos e obras que serão implementados a partir dos financiamentos captados pela Companhia.

Em 2022, a Águas de Joinville teve o maior resultado de investimentos desde a sua criação: 161,7 milhões direcionados para obras de esgoto e também melhorias em água. Em 2021, foram investidos R$ 59 milhões. Há um cronograma para ser executado nos próximos 10 anos.

Melhorias na rede de água

Hoje o índice de cobertura de água em Joinville é de 99,2%. Apesar de já atender o que preconiza o Marco Legal do Saneamento (99%), diversas obras ampliaram e melhoraram o sistema de distribuição na cidade.

São exemplos desse avanço, a duplicação da Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cubatão, a ampliação do sistema de abastecimento nas margens da Rodovia do Arroz (SC-108), e a obra de substituição das antigas tubulações de água da rua Blumenau, na qual foram implantados 5 mil metros de novas tubulações nos passeios.

Em 2023, a Companhia entrega a obra do Distrito de Medição e Controle (DMC) no Bucarein, e inicia a implantação do Sistema Piraí Sul, nessa primeira etapa com a construção da nova tubulação que levará a água da futura estação Piraí Sul aos reservatórios.

Investimentos na coleta e tratamento de esgoto

Avança também a implantação da rede de esgoto na cidade. As obras na zona Sul vão beneficiar cerca de 63 mil moradores dos bairros Parque Guarani, João Costa, Petrópolis, Itaum e Fátima. Há melhorias também nos bairros Boa Vista, Vila Nova, Jardim Paraíso, Jardim Sofia e Vila Cubatão.

A construção da nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Jarivatuba, hoje a maior de Santa Catarina em operação, a entrega da ampliação da capacidade da ETE Espinheiros, e o início da construção da ETE Jardim Paraíso complementam os investimentos para a expansão da rede de coleta e tratamento.

Atualmente, o percentual de cobertura de esgoto em Joinville é de 43%, sendo que 100% do esgoto coletado é tratado e devolvido limpo aos rios.

Captação de recursos

A Companhia Águas de Joinville assinou, em junho de 2022, um contrato de financiamento de 45 milhões de euros, cerca de R$ 247 milhões na cotação atual, com a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD). Os recursos serão destinados a projetos de água e esgoto, com foco em redução de perdas, melhoria da segurança hídrica e avanços na cobertura de esgotamento sanitário.

Em dezembro de 2022, a Águas de Joinville também recebeu a aprovação das minutas contratuais do programa de financiamento denominado Programa de Saneamento Básico Sustentável de Joinville (PROSAJ), concedida pelo Ministério da Economia e Diretoria do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O financiamento destinado ao Programa é de US$ 128 milhões, cerca de R$ 660 milhões. Agora, a Companhia providencia a documentação para encaminhar ao Governo Federal visando a aprovação final e assinatura do contrato.

Todas as obras integram também o Programa Joinville Bem Tratada, que reforça o propósito da Companhia de melhorar a qualidade de vida das pessoas com serviços de saneamento de excelência.

13/01/2023

Trecho da rua Florianópolis será interditado no domingo para realização de obra na rede de água

Neste domingo (15/1), a Companhia Águas de Joinville realiza uma obra na rede de água na rua Florianópolis, no trecho entre as ruas Rio Doce e Piauí.

No local, há um medidor de vazão de água. A Companhia vai instalar nesse equipamento um dispositivo para garantir ainda mais precisão nos dados de vazão e pressão de água referentes ao sistema de abastecimento da zona Sul.

A obra não vai interferir no fornecimento de água, mas, para viabilizar a sua execução, será necessária a interdição total do trânsito das 5h até 20h.

Os motoristas que precisarem passar nessa região da rua Florianópolis deverão fazer o seguinte desvio: no sentido Bairro-Centro, virar à esquerda na rua Graciosa, depois à direita na Monsenhor Gercino e seguir em frente até a rua São Paulo; no sentido Centro-Bairro será possível virar à direita na rua Piauí, entrar na Getúlio Vargas à esquerda e seguir em frente na direção da Monsenhor Gercino.

12/01/2023

Águas de Joinville instala oito motobombas para melhorar o abastecimento em diversos pontos da cidade

A Companhia Águas de Joinville instalou, entre os meses de novembro e dezembro, oito motobombas para melhorar o fornecimento de água em ruas consideradas mais críticas. Com essa ação, o abastecimento passou a ser constante nas regiões atendidas pelos equipamentos, mesmo em dias e horários de grande consumo.

Em novembro, foi finalizada a instalação de uma motobomba na rua Normandia, no bairro Santa Catarina. Em dezembro, foram concluídas as instalações de mais quatro bombas novas, três na zona Sul e uma na região central.

Na zona Sul, os equipamentos estão nas ruas Engenheiro José Gomes (Boehmerwald), João da Costa Júnior (João Costa) e Golfinho (Jarivatuba). No bairro Atiradores, a Companhia instalou uma bomba pressurizadora que vai melhorar o abastecimento de água da rua Xavantes.

Além da instalação das novas motobombas, outras três foram substituídas por equipamentos mais novos e mais eficientes: uma na rua Lindóia (Glória), uma na rua Almirante Jaceguay (Costa e Silva) e outra na rua Otto Hofmann (Nova Brasília).

“As bombas pressurizadoras foram instaladas após um estudo que visa melhorar o abastecimento em ruas críticas, locais que em diversos momentos apresentaram fornecimento de água dificultado pela subida da via”, explica Rivanildo Geremias, coordenador de Adução e Distribuição da Águas de Joinville. Juntas, essas melhorias beneficiam aproximadamente 10 mil pessoas.

11/01/2023

Águas de Joinville dá continuidade à obra de nova rede de água na região do Costa e Silva

A Companhia Águas de Joinville informa que na quinta-feira (12/1), continuará a obra de implantação de uma nova rede de distribuição de água na região do Costa e Silva.

A intervenção irá ocorrer na rua Nazareno, esquina com a Benjamin Constant, e nessa etapa serão feitos os entroncamentos de rede – que é a ligação da tubulação nova com a rede existente.

Para a realização da melhoria, nesta data, a região próxima à rua Nazareno, que fica na divisa dos bairros Costa e Silva e Glória, terá o abastecimento interrompido, com previsão de retorno para a noite do mesmo dia.

A etapa desta quinta-feira é uma continuidade da obra iniciada no domingo (8/1), no trecho final da rua Benjamin Constant, quando houve a implantação da nova rede de água.

Para a finalização dessa rede, são necessários diversos entroncamentos. Por isso, parte deles será feito amanhã e o restante em datas posteriores, que serão comunicadas.

Um diferencial nessa obra é a tubulação que está sendo usada, em Polietileno de Alta Densidade (PEAD), material mais flexível e mais resistente a rupturas em relação à tubulação convencional.

10/01/2023

Águas de Joinville inicia nova etapa de obra que vai beneficiar 15 mil moradores de três bairros

Na terça-feira (10/1), a Companhia Águas de Joinville inicia uma nova etapa da obra de melhoria na rede de água no bairro Bucarein. Nessa fase da implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC), serão feitas três interligações das vias laterais com a rua Inácio Bastos, no trecho próximo à Arena Joinville.

Devido à obra, esse trecho da Inácio Bastos estará parcialmente interditado das 7h às 17h, e o fornecimento de água no bairro Bucarein ficará comprometido. O retorno do abastecimento ocorrerá à noite, com normalização na madrugada.

A obra, que iniciou em novembro de 2021, vai beneficiar cerca de 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu quando for concluída. No total, serão 23 km de redes e ramais em Polietileno de Alta Densidade (PEAD), material mais flexível e mais resistente a rupturas em relação à tubulação convencional. Com investimento de R$ 6,83 milhões, a conclusão está prevista para o primeiro semestre de 2023.

Na prática, o DMC é uma área delimitada dentro do sistema de abastecimento de água, onde a vazão é monitorada já na entrada da área, o que garante agilidade na identificação e no reparo de vazamentos, por exemplo.

Outra vantagem é que, quando for necessário realizar um conserto de vazamento, é possível interromper o abastecimento de água somente de uma região específica e não do bairro todo, reduzindo a área e a população atingida enquanto o reparo está sendo realizado.

O DMC Bucarein é uma das obras do programa Joinville bem Tratada e faz parte das intervenções previstas no Plano Diretor de Água (PDA) da Companhia, que substitui infraestruturas, reduz perdas e reforça o sistema de abastecimento, com o objetivo de garantir o fornecimento contínuo na cidade.

Obras também no Costa e Silva, Morro do Meio e Zona Sul

Na mesma data, a Companhia Águas de Joinville realiza a implantação de uma nova rede de água na rua João Koneski, que fica no bairro Costa e Silva. Esse trabalho estava previsto para a semana passada, mas precisou ser adiado devido à chuva.

Para a realização da obra, os moradores da rua Dona Elza Meinert e das suas laterais terão o abastecimento de água comprometido durante o dia, com previsão de normalização até a noite de quarta-feira (11/1).

Na Zona Sul, também na terça-feira (10/1), haverá uma realocação de rede na servidão Oliveira Bernardes, que fica próxima ao cruzamento das ruas Jarivatuba e Monsenhor Gercino.

Por isso, algumas ruas dos bairros Jarivatuba, João Costa e Ulysses Guimarães terão o abastecimento comprometido. A previsão é que o fornecimento de água na região seja normalizado durante a noite de terça-feira.

Outra obra ocorrerá na quarta-feira (11/1), quando a Companhia vai realizar a instalação de componentes para medição de vazão e para controle de pressão na rede de água da rua Minas Gerais, localizada no Morro do Meio.

O retorno do abastecimento no bairro está previsto para a noite do dia 11, com normalização na madrugada de quarta para quinta-feira (12/1).

A região da rua Minas Gerais vem recebendo diversas melhorias na rede de distribuição de água do bairro. No segundo semestre de 2022, a Companhia Águas de Joinville concluiu a implantação de uma nova rede de abastecimento na rua, levando mais água para os 11,6 mil moradores do bairro Morro do Meio. Foram implantados 2,9 km de rede nova, desde a esquina com a rua Tupy até o cruzamento com a rua Henrique Albrecht.

Em caso de chuvas intensas, a programação de obras poderá ser alterada.

06/01/2023

Águas de Joinville realiza obra na rede de água no Costa e Silva neste domingo

A Companhia Águas de Joinville informa que realiza, neste domingo (8/1), a implantação de uma nova rede de distribuição de água no trecho final da rua Benjamin Constant, na rua Amadeu Sperandio e na servidão Himmemblau, localizadas no bairro Costa e Silva.

Por isso, os moradores da rua Benjamin Constant e suas laterais, entre a BR-101 e a rua Marechal Hermes, terão o abastecimento comprometido durante o domingo. A previsão é que o fornecimento de água na região seja normalizado na noite do mesmo dia.

O trecho da Benjamin Constant em obras estará totalmente interditado, das 7h às 17h. O desvio, tanto para quem vem da BR-101 sentido bairro quanto para quem vem do bairro sentido BR, passa pelas ruas Corcovado, Bernardo Ziemer e Nazareno.

04/01/2023

Águas de Joinville realiza obras de melhoria nos bairros Costa e Silva e Ulysses Guimarães

A Companhia Águas de Joinville realiza, nessa quarta-feira (4), uma obra de melhoria na rua João Koneski, que fica no bairro Costa e Silva. No local, será implantada uma nova rede de água.

Para a realização da obra, os moradores da rua Dona Elza Meinert e das suas laterais terão o abastecimento de água comprometido durante o dia.

A previsão é que o fornecimento de água nas ruas impactadas seja normalizado até a noite de quarta-feira.

Na quinta-feira (5), será instalado um novo registro na rede da rua Deputado Aderbal Tavares Lopes, no Ulysses Guimarães. Por isso, algumas ruas do bairro terão o abastecimento comprometido.

Nessa região, a normalização do abastecimento deve ocorrer até a noite de quinta-feira.

23/12/2022

Águas de Joinville realiza melhorias na rede em mais de 20 ruas na semana entre Natal e Ano Novo

A Companhia Águas de Joinville realiza, entre 26 e 30 de dezembro, obras na rede de água em mais de 20 ruas da cidade. O período, entre Natal e Ano Novo, foi escolhido por ser uma semana de menor movimento na cidade, contribuindo assim para redução do impacto no trânsito local.

As ruas que receberão as obras são: Alfenas, Anitápolis, Benjamin Constant, Boehmerwald, Dr. João Colin, Dona Francisca, Dr. Plácido Gomes, Florianópolis, João Pessoa, Iririú, Max Colin, Monsenhor Gercino, Padre Antonio Vieira, Presidente Prudente de Moraes, Santa Catarina e Timbó. Também receberão obras as avenidas Paulo Schroeder, Getúlio Vargas, Dr. Albano Schulz e Coronel Procópio Gomes.

No geral, serão executados diversos tipos de melhorias e manutenções preventivas, que vão desde uma troca de ramal, realocação de rede de água ou instalação de registro, como também reparos de vazamentos não visíveis.

Os serviços, considerados de pequeno porte, serão realizados durante o dia e não irão causar desabastecimento de água. Em alguns locais, haverá interdição parcial ou total de um trecho da via. Nesses casos, haverá sinalização de desvio.

12/12/2022

Águas de Joinville recebe aprovação para financiamento de aproximadamente R$ 660 milhões junto ao BID

A Companhia Águas de Joinville recebeu a aprovação das minutas contratuais para financiamento do Programa de Saneamento Básico Sustentável de Joinville (PROSAJ), concedida pelo Ministério da Economia e Diretoria do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O financiamento destinado ao Programa é de US$ 128 milhões, cerca de R$ 660 milhões.

Após essa aprovação do programa de financiamento PROSAJ, a Companhia deve providenciar documentação à Secretaria do Tesouro Nacional, que será submetida para a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, Casa Civil da Presidência da República e Senado, para aprovação final. A expectativa é que essas etapas de aprovação e a assinatura do contrato ocorram no primeiro semestre de 2023.

Entre os projetos do financiamento estão a implantação do novo Sistema de Abastecimento de Água Piraí Sul, a ampliação do complexo Jarivatuba (ETE, linha de recalque e emissário), ampliação da futura Estação de Tratamento de Esgoto – ETE Vila Nova, para atender também o bairro Morro do Meio, melhorias no sistema de esgotamento sanitário e melhorias de automação e modernização na Estação de Tratamento de Água do Cubatão.

Além disso, serão implementadas diversas ações de redução de perdas reais de água e medidas de eficiência energética em estações de bombeamento de água. Também serão implantados 182 km de redes de esgoto e 41 km de redes de água para melhorar o abastecimento na região Sul. As obras de esgoto beneficiarão aproximadamente 160 mil pessoas, e as de água, cerca de 170 mil pessoas.

Esse é o segundo financiamento obtido neste ano pela Águas de Joinville junto a uma instituição internacional. O primeiro foi o recurso da Agência Francesa de Desenvolvimento, de 45 milhões de euros, cerca de R$ 247 milhões, captado em junho de 2022 e que já está sendo aplicado em projetos de água e esgoto.

“O aporte do BID será fundamental para avançarmos ainda mais nas nossas obras rumo à universalização dos serviços de esgotamento sanitário em Joinville”, afirma Fernando Schneider, diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

O BID é uma organização financeira internacional com sede na cidade de Washington, Estados Unidos, criada em 1959. É uma das principais fontes de financiamento de longo prazo para o desenvolvimento econômico, social e institucional da América Latina e do Caribe.

24/11/2022

Águas de Joinville firma parceria com UniSociesc para oficinas socioambientais

A Companhia Águas de Joinville assinou um acordo de cooperação técnica com a UniSociesc Joinville. O evento reuniu representantes da Companhia e também gestores e alunos da instituição de ensino.

Um dos objetivos da parceria é proporcionar aos estudantes dos cursos de Engenharia e Arquitetura da UniSociesc uma oportunidade de participar das oficinas socioambientais de esgoto promovidas pela Águas de Joinville, como complemento aos estudos em sala de aula. Acompanhados por um docente, os acadêmicos também poderão auxiliar na condução das ações desenvolvidas.

O centro universitário, por sua vez, disponibilizará salas de aula, laboratórios e auditórios para a realização dos workshops com a comunidade. A instituição de ensino também ficará responsável por desenvolver uma maquete para auxiliar na condução das oficinas, demonstrando a correta ligação do esgoto na rede coletora e que a água da chuva deve ir para a rede de drenagem.

A oficina socioambiental de esgoto é gratuita e disponibilizada em bairros que estão recebendo obras de esgotamento sanitário. Com aproximadamente 2 horas de duração, a oficina tem caráter informativo e oferece noções básicas de saneamento (água e esgoto) e uma capacitação para realizar corretamente a conexão interna das residências às redes coletoras de esgoto.

Durante a oficina, são apresentados os equipamentos necessários para o bom funcionamento da rede interna, como a caixa de gordura e de passagem, a instalação da válvula de retenção e o desligamento do sistema fossa-filtro. Além disso, são abordados temas relacionados à sustentabilidade e educação ambiental, com destaque para o bom uso das redes de esgoto.

23/11/2022

Peça teatral estimula a consciência ambiental em alunos de escolas de Joinville

Durante o segundo semestre desse ano, mais de 5 mil espectadores, entre alunos e professores de 10 unidades escolares de Joinville puderam assistir a peça teatral “Viagem de Estudos”, realizada pela Águas de Joinville, através de uma empresa contratada para percorrer, junto com colaboradores da Companhia, escolas municipais, estaduais e particulares da cidade.

As duas irmãs, Bia e Clara, são as atrizes principais da peça. Uma não gosta de tomar banho, a outra adora banhos demorados. Durante uma viagem imaginária que as duas fazem juntas, elas conhecem o caminho que a água faz na cidade, da captação de água ao tratamento do esgoto. Oportunidade para conscientização sobre o uso consciente da água.

A peça itinerante estreou em setembro e seguiu com apresentações até o fim de outubro, finalizando as encenações nas escolas Presidente Médici e Celso Ramos. O público foi composto por estudantes do Ensino Fundamental I e II e também do Ensino Médio. A peça foi apresentada em escolas localizadas em bairros que atualmente estão recebendo obras de expansão do esgotamento sanitário, como Vila Nova, Boa Vista, João Costa e Parque Guarani.

“A Companhia terminou esse ciclo de apresentações, mas um novo ciclo está previsto para 2023”, explica Daiane Paul Nunes, coordenadora Socioambiental da Águas de Joinville.

Desde 2009, a Companhia Águas de Joinville proporciona educação ambiental a crianças e jovens por meio de peças de teatro, além de incentivar a atividade de grupos artísticos locais. Os espetáculos abordam, de forma lúdica, assuntos importantes como consumo consciente da água e a importância do tratamento de esgoto.

Águas de Joinville realiza obras de melhoria no Boa Vista nesta quarta-feira (23/11)

A Companhia Águas de Joinville informa que realiza, nesta quarta-feira (23/11), obras na rede de água da rua Limeira, no bairro Boa Vista.

Serão instalados um macromedidor e uma válvula para controle de pressão e vazão, com telemetria, que visa agilidade e eficiência na identificação de vazamentos.

Por isso, moradores da rua Albano Schmidt e suas laterais (entre as ruas Barbalho e São Miguel) terão o abastecimento comprometido durante o dia.

A previsão é que o fornecimento de água na região seja normalizado na noite de quarta-feira.

14/11/2022

Águas de Joinville realiza obra de melhoria no Boa Vista durante o feriado (15/11)

A Companhia Águas de Joinville informa que realiza, na terça-feira (15/11), a instalação de duas válvulas novas na rede de água do bairro Boa Vista. Essas válvulas irão ajudar no controle e monitoramento da pressão de água na região.  

O trabalho será executado nas ruas Conselheiro Lafayete, que terá interdição parcial, e Doutor Emílio Petry, via que estará com interdição total. Nesse caso, o desvio poderá ser feito pela rua Pedro Lessa. 

Para a realização da obra, os bairros Bucarein e Boa Vista terão interrupção do abastecimento de água durante o dia. A previsão é que o fornecimento de água na região seja normalizado na noite de terça-feira (15/11).

08/11/2022

Águas de Joinville realiza abordagens domiciliares para orientar moradores sobre as obras

A Companhia Águas de Joinville realiza abordagens domiciliares em ruas que em breve vão receber obras de ampliação da rede de água ou de implantação da rede coletora de esgoto.

Os agentes socioambientais que realizam as abordagens vão de casa em casa para avisar, dar informações e tirar dúvidas sobre as obras e os impactos que podem trazer no dia a dia dos moradores.

As visitas domiciliares são gratuitas e realizadas em horário comercial. Os agentes não precisam entrar nos imóveis e podem ser identificados pelo crachá, com nome e logo da Companhia Águas de Joinville.

No caso de obras de expansão da rede de esgoto, um folder e um adesivo são entregues para o morador. O adesivo serve para sinalizar o local onde o cliente deseja que a futura conexão à rede seja feita. Ele deve ser colado no muro ou em algum suporte que possibilite sua fixação.

Esta é a chamada marcação da espera de esgoto, essencial para que a empreiteira consiga direcionar a rede para o local correto da saída de esgoto da residência. Caso o morador não seja encontrado no local, os agentes deixam o folder e o adesivo na sua caixa de correio.

Após finalizada a obra e liberadas as ligações à rede de esgoto, os leituristas entregam uma carta e um folder com a fatura de água, em cada domicílio. Nesse material é informado que o trabalho foi concluído, que foi liberada a conexão à rede e qual o prazo para execução da ligação.

Outro tipo de abordagem pode ocorrer, eventualmente, em ruas que apresentam obstrução da tubulação e extravasamentos de esgoto. Nesse caso, os agentes alertam os moradores sobre a importância do bom uso da rede, com dicas e orientações.

03/10/2022

Águas de Joinville faz consulta pública sobre obras de modernização da ETA Piraí

A Companhia Águas de Joinville realiza na sexta-feira (4/11), às 20h, uma consulta pública sobre a modernização da Estação de Tratamento de Água (ETA) do Piraí, unidade que abastece 25% da população de Joinville. A reunião será no Salão Jacob, na Estrada Comprida, bairro Vila Nova.

O evento é direcionado à população residente no bairro Vila Nova, onde a ETA está localizada, e é aberto aos demais interessados. Após apresentação do projeto e dos benefícios das obras, será aberto espaço para considerações, sugestões e esclarecimento de dúvidas da comunidade.

Em 2023, a ETA Piraí passará por obras de infraestrutura e de melhoria nos processos de tratamento, que serão executadas no interior da estação. Entre elas a construção de uma unidade de tratamento de lodo, instalação de novos filtros e de uma nova adutora.

Para maior comodidade, haverá espaço infantil no local para apoio aos cuidados com as crianças. Em caso de dúvidas ou sugestões sobre a consulta pública, a Companhia Águas de Joinville disponibiliza o WhatsApp 47 99923-7394 e seus canais de atendimento, listados em bit.ly/canais_atendimento.

A consulta pública faz parte da Política de Sustentabilidade da Companhia, que estabelece, entre outras diretrizes, a promoção do diálogo, participação, acesso e transparência em suas ações a todas as partes interessadas.

27/10/2022

Águas de Joinville realiza audiência pública sobre a Estação de Tratamento de Esgoto do Jarivatuba

A Companhia Águas de Joinville realiza, no dia 31 de outubro, às 19h, uma audiência pública para apresentar o Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Jarivatuba. A reunião acontece na Escola Municipal Amador Aguiar, (localizada na rua Álvaro Maia, 1057, bairro Ulysses Guimarães), e é aberta a todos, em especial às pessoas que residem próximo à estação.

A nova ETE Jarivatuba, considerada a maior e uma das mais modernas de Santa Catarina, mudou o sistema de operação em março de 2021. A unidade, que recebe 90% do esgoto coletado na cidade, substituiu a antiga estação de tratamento, que tinha um sistema de lagoas de estabilização em operação desde 1989. Além de adotar uma tecnologia que reduz os odores do tratamento, a estação tem capacidade de tratamento de 600 litros por segundo.

“Além de apresentar o estudo, também vamos falar sobre as características da nova estação, explicar o processo de tratamento, sua área de influência e medidas preventivas”, explica Claudia Rocha, gerente de Qualidade e Meio Ambiente.

A audiência pública é uma das etapas para a regularização da Estação de Tratamento e está prevista no código de obras vigente no município de Joinville. Além disso, é um instrumento de transparência e diálogo estabelecido com a sociedade, com o objetivo de informar, tirar dúvidas e ouvir opiniões, principalmente da população diretamente envolvida com o empreendimento.

25/10/2022

Águas de Joinville realiza melhoria no reservatório que abastece os bairros Boa Vista e Bucarein

A Companhia Águas de Joinville realiza uma obra de melhoria no reservatório que atende os bairros Boa Vista e Bucarein nesta terça-feira (25). Por isso, os dois bairros devem ter o abastecimento comprometido durante o dia, com normalização do fornecimento de água prevista para a madrugada de terça (25) para quarta-feira (26).

Será instalada uma nova válvula com atuador elétrico, equipamento responsável pela automação do reservatório. Dessa forma, será possível regular a vazão necessária de água de forma remota e mais rápida, facilitando a operação do sistema.

Esta é uma das obras de manutenção preventiva previstas no programa Joinville Bem Tratada, que visam melhorar os sistemas de abastecimento de água existentes na cidade. Além disso, o programa também inclui obras de ampliação da cobertura de esgotamento sanitário em Joinville, com vistas a sua universalização.

21/10/2022

Águas de Joinville realiza reunião com moradores do Jardim Paraíso sobre Estação de Tratamento de Esgoto

A Companhia Águas de Joinville realiza, na próxima segunda-feira (24/10), uma reunião comunitária no Jardim Paraíso sobre a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) que está sendo construída no bairro. A reunião inicia às 19 horas e será realizada na Escola Deputado Nagib Zattar, localizada na rua Antônio Michels, número 120. A reunião é aberta para todos os moradores do bairro que quiserem participar.

Entre os assuntos a serem abordados estão questões ambientais e de segurança para a população, como a restrição do acesso de crianças e animais no canteiro de obras e o descarte de resíduos próximo à Estação. Os moradores também poderão esclarecer suas dúvidas sobre a estação e o tratamento de esgoto.

Localizada na avenida Plutão, esquina com a rua Puppis, a obra foi iniciada em setembro de 2022 e tem previsão de conclusão para 2024. Quando concluída, a ETE vai beneficiar moradores dos bairros Jardim Paraíso, Vila Cubatão, Jardim Sofia e parte do Bom Retiro, com a coleta e o tratamento de esgoto.

O investimento contratado para projeto, implantação e pré-operação da ETE Jardim Paraíso é de R$ 26,8 milhões. Com as redes coletoras ativas e a ETE em pleno funcionamento, a cobertura de esgotamento sanitário de Joinville será ampliada em 3,7%.

A construção da ETE Jardim Paraíso faz parte do programa Joinville Bem Tratada, um pacote de obras de saneamento que visam a melhoria do sistema de água e a ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Um dos objetivos do programa é expandir os serviços de coleta e tratamento de esgoto em Joinville, levando saúde para a população e preservando o meio ambiente.

20/10/2022

Águas de Joinville finaliza obra no Morro do Meio e melhora abastecimento na região

A Companhia Águas de Joinville concluiu a implantação de uma nova rede de abastecimento na rua Minas Gerais, que está levando mais água para os 11,6 mil moradores do bairro Morro do Meio. São 2,9 km de rede nova, que inicia na esquina com a rua Tupy e segue até o cruzamento com a rua Henrique Albrecht.

O principal resultado da obra é a melhor pressão nas torneiras. “O abastecimento realmente melhorou. Anteriormente, nos fins de semana, muitas vezes a gente sentia que a pressão era mais fraca. De uns dois, três meses para cá, a gente não notou mais isso”, diz Gilmar Pscheidt, morador do bairro Morro do Meio.

A obra de melhoria foi executada parcialmente pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. Este método reduz significativamente o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos como abertura de valas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito em trechos maiores.

Com investimento de R$ 1,4 milhão, a obra faz parte do programa Joinville Bem Tratada, um pacote de investimentos que visam à ampliação da rede de esgoto e melhoria na rede de água em diversos bairros da cidade, contribuindo para a preservação dos rios, qualidade de vida e saúde da população.

14/10/2022

Bairro Nova Brasília recebe obras na rede de água na próxima segunda-feira

A Companhia Águas de Joinville vai realizar obras na rede de abastecimento do bairro Nova Brasília nesta segunda-feira (17/10). O trabalho acontecerá na rua Jativoca, onde serão executados um desvio de rede e a instalação de um novo registro.

Após a instalação desse registro, será possível interromper um trecho menor em caso de obras de manutenção. Já o desvio irá melhorar o posicionamento da rede.

Para que as melhorias possam ser realizadas, moradores do bairro Nova Brasília (região do Jativoca) devem ter o abastecimento comprometido durante o dia. A previsão é que a normalização do sistema ocorra na noite de segunda-feira.

Águas de Joinville realiza obra de melhoria no bairro Santo Antônio neste domingo

A Companhia Águas de Joinville vai realizar uma obra de melhoria na rede de água do bairro Santo Antônio no próximo domingo (16). Será realizado um entroncamento de rede na rua Dona Francisca, próximo ao Terminal Norte.

Por isso, os bairros Santo Antônio e Saguaçu terão interrupção no fornecimento de água durante o dia. A previsão é que o retorno do abastecimento na região ocorra na madrugada de domingo (16) para segunda-feira (17).

Como se trata de um ponto da cidade com alto tráfego de veículos durante a semana, o serviço foi programado para o domingo, dia em que o fluxo no trânsito é menor.

5/10/2022

Aventureiro e Jardim Sofia recebem obras na rede de água nesta quinta-feira

A Companhia Águas de Joinville realiza, na próxima quinta-feira (6/10), obras na rede de abastecimento dos bairros Aventureiro e Jardim Sofia.

No Aventureiro, será instalado um novo registro na rua Manoel Francisco de Oliveira, próximo à rua Tuiuti.

Já no Jardim Sofia, será realizada a instalação de uma válvula na rede de água da rua Rio do Braço.

Para execução das duas obras de melhoria, será necessário interromper o abastecimento de água em parte dos bairros durante o dia. A previsão é que a normalização do sistema, em ambas as regiões, ocorra ainda na noite de quinta-feira (6/10).

21/09/2022

Bairro Rio Bonito recebe obra para melhorar abastecimento de água da região

A Companhia Águas de Joinville realiza, nesta quarta-feira (21), uma obra de melhoria na rede de água da rua Quinze de Outubro, no Rio Bonito.

Por isso, o bairro terá o fornecimento de água comprometido durante o dia. A previsão é que o sistema seja normalizado na noite de quarta-feira.

Será realizada uma interligação da rede de reforço, recentemente implantada, com a rede existente. A nova tubulação irá aumentar o volume de água disponibilizado para a região.

19/09/2022

Águas de Joinville passa a contar com duas empresas para serviços de manutenção

Para melhorar os serviços de saneamento, a Companhia Águas de Joinville contratou duas empresas terceirizadas para execução de serviços em redes e ramais: uma responsável pela região Norte da cidade e outra pela região Sul.

“Até o mês de julho de 2022, a Companhia tinha uma única empresa para execução de serviços nas tubulações de água e esgoto, e agora faz uma gestão inovadora com duas contratadas. Nosso objetivo é melhorar a qualidade dos serviços prestados, reduzindo o tempo de consertos de redes”, explica Fernando Schneider, diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

Em setembro, a empresa Enops, que cuidará da região Norte, iniciou a etapa de integração e treinamento de seus funcionários. Entre os assuntos abordados durante a capacitação, realizada por profissionais da Águas de Joinville, estão substituição de ramal, conserto de cavalete, qualidade da pavimentação e segurança do trabalho. A previsão é que os serviços em campo iniciem no final deste mês.

Funcionários da Ambiental, empresa responsável pela região Sul da cidade, passaram por treinamento em julho deste ano e iniciaram os serviços nas ruas em agosto. As duas terceirizadas são responsáveis pela manutenção e ampliação de redes de água e de esgoto, desobstrução de redes coletoras, entre outros serviços, sempre com a supervisão e o acompanhamento da Companhia Águas de Joinville.

15/09/2022

Companhia Águas de Joinville inicia construção da Estação de Tratamento de Esgoto no Jardim Paraíso

A Companhia Águas de Joinville iniciou a construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do bairro Jardim Paraíso. Na primeira quinzena de setembro, está sendo realizada a preparação do canteiro de obras e a execução de terraplanagem.

A estação está sendo construída na avenida Plutão, esquina com a rua Puppis e tem previsão de conclusão para 2024. Entre os destaques da ETE, está uma tecnologia para controle de odores.

“A estação terá lavadores de gases nas unidades de tratamento preliminar, atendendo às exigências dos órgãos ambientais. Sua capacidade de tratamento, nesta primeira fase, será de 60 litros por segundo”, informa Lucia Rodrigues, coordenadora de expansão da Águas de Joinville.

O sistema beneficiará 27 mil moradores, não só do Jardim Paraíso, mas também dos bairros Vila Cubatão, Jardim Sofia e parte do Bom Retiro (região do Garten Shopping e universidades).

O investimento contratado para projeto, implantação e pré-operação da ETE Jardim Paraíso é de R$ 26,8 milhões. Com as redes coletoras ativas e a ETE em pleno funcionamento, a cobertura de esgotamento sanitário de Joinville será ampliada em 3,7%.

A construção da ETE Jardim Paraíso faz parte do programa Joinville Bem Tratada, um pacote de obras de saneamento que visam à melhoria do sistema de água e à ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Um dos objetivos do programa é expandir os serviços de coleta e tratamento de esgoto em Joinville, levando saúde para a população e preservando o meio ambiente.

Os moradores do entorno das obras estão recebendo comunicados nas caixas de correio com avisos sobre os trabalhos.

01/09/2022

Águas de Joinville utiliza mini escavadeira 100% elétrica em manutenções

Uma mini escavadeira 100% elétrica, com zero emissão de poluentes, está em fase de testes em obras de saneamento de Joinville. Desde o segundo semestre de 2022, a opção sustentável está sendo utilizada em manutenções e ampliações da rede de água realizadas pela empresa terceirizada Fieng, que atua a serviço da Companhia Águas de Joinville.

Desenvolvida na Inglaterra e atualmente comercializada em diversos países da Europa e nos Estados Unidos, o modelo é totalmente alimentado por energia elétrica e livre de emissões de poluentes, como o monóxido de carbono. Além disso, a escavadeira pode ser carregada em tomadas convencionais.

O motor elétrico possui funcionamento cinco vezes mais silencioso comparado ao de um modelo equivalente movido a diesel, o que evita ruídos no entorno das obras, sendo adequado para trabalhos próximo a escolas e hospitais.

04/08/2022

Obra de melhoria na rede de esgoto do América

A Companhia Águas de Joinville finalizou, na madrugada de sábado (30), uma obra de melhoria na rede de esgoto da rua Orestes Guimarães, na esquina com a rua Vinte e Cinco de Julho, bairro América.

Foi realizada uma melhoria de vedação em uma travessia da rede coletora no trecho em que a tubulação cruza o rio Morro Alto, afluente do rio Cachoeira. O objetivo é evitar a entrada de água na rede que passa pelo leito do rio, o que pode ocasionar vazamentos e extravasamentos de esgoto nas casas e ruas.

O trabalho foi executado por meio de um método não destrutivo (MND), em que não são necessárias escavações ou interferências do pavimento, e assim reduz significativamente os transtornos no trânsito. O processo consiste na aplicação de uma manta com resina dentro da rede, tecnologia que recupera as características estruturais e hidráulicas da tubulação local. Além disso, a obra ocorreu entre 22h e 6h, evitando interdições, ainda que parciais, no fluxo de veículos durante o dia.

04/08/2022

Obra de melhoria de água próxima à rotatória na Arno Waldemar Dohler

A Águas de Joinville realizou uma obra de melhoria na infraestrutura da rede de água, próxima à rotatória da Arno Waldemar Dohler.

A obra aconteceu no último final de semana e essa é uma ação de modernização da infraestrutura de suporte às adutoras do sistema da Estação de Tratamento de Água (ETA) Cubatão.

O objetivo é proporcionar uma melhor distribuição de água entre os reservatórios, além de mais agilidade na identificação de vazamentos na região.

30/07/2022

Águas de Joinville realiza melhoria na rua Arno Waldemar Dohler

Neste final de semana, a Companhia Águas de Joinville realiza uma obra de melhoria na infraestrutura da rede de água, próxima à rotatória da Arno Waldemar Dohler. O sistema de abastecimento de água será mantido normalmente à população.

Essa é uma ação de modernização da infraestrutura de suporte às adutoras do sistema da Estação de Tratamento de Água (ETA) Cubatão e vai contribuir para uma melhor distribuição de água entre os reservatórios, além de mais agilidade na identificação de vazamentos na região.

Para a realização da obra, será necessária a interdição total da rua Arno Waldemar Dohler entre as ruas Dona Francisca e Santos Dumont, das 14 horas do dia 30 (sábado) às 17 horas do dia 31 (domingo).

A finalização da obra será realizada na segunda-feira (1), com interdição parcial da Arno Waldemar Dohler com a rua Dona Francisca, das 9h às 11h, para a realização da repavimentação da via.

29/07/2022

Águas de Joinville instala nova rede de água no bairro Aventureiro

A Companhia Águas de Joinville implantou uma rede nova de água na rua Rogério Pereira, que vai melhorar o abastecimento do bairro Aventureiro.

Por isso, nesta sexta-feira (29), será realizada uma obra de entroncamento de rede, que é a ligação da tubulação nova com a existente, na rua Rogério Pereira, esquina com a rua Dilma Virgilina Garcia.

Para a realização da melhoria, o abastecimento no bairro Aventureiro ficará comprometido durante o dia, a partir das 8h.

A previsão é que o retorno do fornecimento de água ocorra na noite de sexta-feira.

21/07/2022

Rio Bonito recebe nova rede de abastecimento de água

A Companhia Águas de Joinville está instalando uma nova rede de abastecimento na rua XV de Outubro, que vai reforçar e melhorar a distribuição de água no bairro Rio Bonito.

Nesta quinta-feira (21), será realizado um entroncamento de rede na via, que comprometerá o abastecimento no bairro Rio Bonito e Estrada Palmeira durante o dia, a partir das 8h. A previsão é que a normalização do sistema ocorra na noite de quinta-feira.

Para a instalação da nova rede, haverá interdição total de um trecho da rua XV de Outubro, na altura do número 3.108, das 7h às 17h. O desvio deve ser feito pelas ruas Alfredo Nielson e Elsa Nielson.

Na sexta-feira (22), o trânsito no local segue com interdição parcial para que a Companhia possa realizar a pavimentação na via.

11/07/2022

Companhia Águas de Joinville coloca em prática seu maior pacote de obras

O maior pacote de investimentos em saneamento básico da Companhia Águas de Joinville está em andamento. São diversas obras e ações pela cidade para melhoria no sistema de água e para ampliação do sistema de esgotamento sanitário.

Até o ano que vem, serão beneficiados muitos bairros, como Boa Vista, Vila Nova, Jardim Paraíso, Jardim Sofia, Vila Cubatão, além de diversas regiões da zona Sul. A coleta e o tratamento de esgoto serão ampliados, contribuindo para melhorar a qualidade de vida, a saúde e a preservação dos rios.

Entre as obras em andamento, estão as da zona sul, que já beneficiam os bairros Fátima, Guanabara, João Costa e Jarivatuba com ligações de esgoto liberadas para conexão em todas essas regiões. A maior parte bairro Boa Vista também já possui redes de esgoto ativas.

No Vila Nova, Jardim Sofia, Vila Cubatão e Jardim Paraíso, foram iniciadas as obras de reforma das redes coletoras. Futuramente, serão implantadas novas redes e cada bairro vai receber uma estação de tratamento de esgoto, além de estações de bombeamento e demais equipamentos necessários para o funcionamento do sistema.

A manutenção da rede de esgoto existente também faz parte do pacote de obras da Águas de Joinville. Para evitar extravasamentos no Adhemar Garcia, a Companhia realizou a troca de parte da tubulação do bairro e a substituição da unidade de bombeamento. As obras tiveram início em 2022 e devem ser concluídas ainda nesse ano.

Obras na rede de água também estão em várias regiões da cidade, como no Bucarein e Morro do Meio. No Bucarein, a CAJ está implantando o Distrito de Medição e Controle (DMC), local onde o sistema de abastecimento é isolado e parte de sua infraestrutura é renovada. O objetivo é reduzir perdas de água e garantir o fornecimento contínuo à população. O Morro do Meio está recebendo 2,9km de tubulação nova para ampliar a oferta de água para o bairro, obra que está em fase de finalização.

Não são apenas obras, todo esse amplo pacote de investimentos busca uma Joinville cada vez mais bem tratada. Tanto que a Companhia Águas de Joinville executa serviços de água e esgoto levando em conta a preservação de mananciais, eficiência energética, soluções inovadoras e realizando ações de educação ambiental destinadas a crianças e adultos.

De ponta a ponta – do rio que abastece ao rio que recebe o efluente tratado –, a meta é o desenvolvimento sustentável, com proteção do meio ambiente e promoção da qualidade de vida das pessoas. E virão mais melhorias e realizações por aí! Até 2023, vamos investir R$ 480 milhões para beneficiar Joinville.

30/06/2022

Águas de Joinville assina contrato de financiamento de 45 milhões de euros com agência francesa

A Companhia Águas de Joinville assinou, nessa quarta-feira (29/6), em São Paulo, um contrato de financiamento de 45 milhões de euros – cerca de R$ 248 milhões na cotação atual – com a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD). Os recursos serão destinados a projetos de água e esgoto, com foco em redução de perdas, melhoria da segurança hídrica e avanços na cobertura de esgotamento sanitário.

O contrato tem prazo de 240 meses, com carência de 60 meses, e as parcelas do financiamento serão liberadas à medida que as obras forem avançando. Entre os projetos do sistema de abastecimento de água que receberão recursos da AFD estão a instalação e substituição de redes de distribuição e a modernização da Estação de Tratamento de Água (ETA) do Piraí, que beneficiarão cerca de 150 mil pessoas.

Já as obras de esgotamento sanitário, que ampliarão a cobertura em 17%, beneficiarão aproximadamente 160 mil pessoas. Serão implantados mais de 320 km de redes coletoras na zona Sul e 26 mil novas ligações de esgoto nos bairros Floresta, Itaum, Petrópolis, Santa Catarina, Fátima, Guanabara, João Costa, Boehmerwald, Itinga, Profipo, Morro do Meio e Vila Nova.

O contrato firmado com a Agência Francesa faz parte de uma captação de recursos necessários para atingir a universalização dos serviços de esgoto em Joinville. As obras contempladas também integram o Programa Joinville Bem Tratada, que reforça o propósito da Companhia de melhorar a qualidade de vida das pessoas com serviços de saneamento de excelência.

17/06/2022

Águas de Joinville realiza mais uma etapa de obra na rede de água do Morro do Meio

No próximo domingo (19/6), a partir das 8h, a Companhia Águas de Joinville realiza mais duas interligações na rede de abastecimento da rua Minas Gerais. Por isso, o bairro Morro do Meio e parte do Nova Brasília terão o abastecimento comprometido durante o dia. A previsão é que o fornecimento de água na região seja normalizado na noite de domingo.

As interligações fazem parte da obra de implantação de uma nova rede de abastecimento na rua Minas Gerais, que levará mais água para o bairro Morro do Meio. São 2,9 km de rede, da esquina da rua Tupy até o cruzamento com a rua Henrique Albrecht. Uma tubulação de diâmetro maior foi instalada na via e, dessa forma, a oferta de água para o bairro será ampliada.

A vazão de água será suficiente para a demanda atual da região e também prevê o atendimento futuro. Com investimento de R$ 1,4 milhão, a obra beneficiará 11,6 mil moradores do Morro do Meio e deve ser concluída até o fim do mês de junho.

14/06/2022

Águas de Joinville realiza obras do projeto de revitalização da Vigorelli

O projeto de Regularização Fundiária (Reurb) da Vigorelli inclui a implantação do sistema de esgotamento sanitário e melhorias no abastecimento de água na região. A Companhia Águas de Joinville dividiu a obra em duas fases e a primeira foi concluída com a implantação de 1,2 km de rede de abastecimento. A obra foi executada pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação.

A segunda fase, que inicia no primeiro semestre de 2023, contempla a instalação de 1,5 km de rede coletora de esgoto e de 1,6 km de rede de água. O pacote de obras também prevê a instalação de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) compacta localizada próximo à estrada de acesso à Vigorelli. O investimento total é de aproximadamente R$ 3,5 milhões.

Serão 123 famílias beneficiadas na comunidade, na parte da Vila, e mais 13 na via de acesso principal. O Núcleo de Atendimento Social da Águas de Joinville vai visitar os moradores para mapear as famílias que podem receber o benefício da tarifa social ou social especial. A previsão é que as obras de água e esgoto na Vigorelli sejam concluídas em 2023.

10/06/2022

Ligações de esgoto estão liberadas em mais de 60 ruas do Boa Vista e Saguaçu

Cerca de 2 mil imóveis do bairro Boa Vista, entre residências, comércios e indústrias, além de imóveis no Saguaçu, receberam autorização para se conectar à rede coletora implantada pela Companhia Águas de Joinville. É importante lembrar que o proprietário do imóvel é responsável pela ligação da rede interna à rede de esgoto da rua. A orientação da Companhia é que o morador contate um encanador de confiança para verificar a tubulação da residência e realizar a conexão.

A rede individual deve direcionar a água do vaso sanitário, do ralo do chuveiro, das pias da cozinha e da churrasqueira para a rede pública de esgoto. A água da chuva, de calhas e piscinas, não deve ir para a rede coletora, e sim para a rede de drenagem da Prefeitura. O morador também não deve se esquecer de desativar a fossa-filtro.

Com o sistema de esgotamento sanitário ativo, o imóvel passa a ser mais valorizado, além de evitar a proliferação de doenças, o mau cheiro e devolver água limpa para a natureza.

Orientação presencial no sábado, 11 de junho.

Caso o morador tenha dúvidas sobre como fazer a ligação, pode perguntar diretamente aos técnicos da Companhia Águas de Joinville. Eles estarão no sábado, dia 11 de junho, das 8h30 às 12h, na Escola Municipal Governador Heriberto Hülse, para dar orientações sobre as conexões de esgoto.

Confira a seguir as ruas do Boa Vista e Saguaçu que já podem se conectar à rede de esgoto:

Rua Adolfo Brezink
Rua Adolpho Sell
Rua Albano Schmidt
Rua Antônio B. Guilhon
Rua Arapiraca
Rua Aubé
Rua Austergilio de Menezes
Rua Barbalho
Rua Beija-Flor
Rua Braille
Rua Carlos Frederico Adolfo Schneider
Rua Clóvis Beviláqua
Rua Comodoro Rivadávia
Rua Conselheiro Lafayete
Rua das Margaridas
Rua das Rosas
Rua das Violetas
Rua dos Ipês
Rua Doutor Emílio Petry
Rua Eduardo Gonçalves
Rua Erhard Wetzel
Rua Esperança
Rua Graça Aranha
Rua Graciliano Ramos
Rua Hélio Lentz Puerta
Rua Itaituba
Rua Ivo Varela
Rua Jaguarão
Rua João Sell
Rua José Elias Giuliari
Rua José Neves da Borba
Rua Juiz de Fora
Rua Juliano Moreira
Rua Jundiaí
Rua Maria S. Vieira
Rua Ministro Luiz Galotti
Rua Monteiro Lobato
Rua Nossa Senhora do Rosário
Rua Orleans de Bragança
Rua Osvaldo Cruz
Rua Padre Nóbrega
Rua Pedro Lessa
Rua Penha
Rua Pinhalzinho
Rua Ponta Grossa
Rua Prefeito Helmuth Fallgatter
Rua Presidente Coutinho
Rua Presidente João Goulart
Rua Santa Fé
Rua Sehnen
Rua Tancredo Castro
Rua Três Corações
Rua Triângulo Mineiro
Servidão Alcides Xavier
Servidão Aurino Cândido
Servidão Fritz Alt
Servidão João Alves da Maia
Servidão Ludovico Sell
Servidão Luiz Anversa
Servidão Orlando Piazera
Servidão Raul Cortez

06/06/2022

Águas de Joinville investe R$ 13,7 milhões em obras de melhoria na rede de esgoto

A Companhia Águas de Joinville iniciou a reforma das redes de esgoto existentes nos bairros Vila Nova, Jardim Paraíso, Jardim Sofia e Vila Cubatão. O investimento é de R$ 13,7 milhões. Após uma inspeção na tubulação, foram constatados quais os trechos que necessitam de investimentos como a troca e limpeza de tubos. Serão aproximadamente 4,5 mil intervenções, incluindo novas ligações.

No bairro Vila Nova a recuperação do sistema acontece em conjunto com o calendário de obras do município.

“As frentes de trabalho priorizam as ruas que receberão obras de drenagem da prefeitura, com o objetivo de evitar futuros recortes no pavimento”, explica Grasiela Breis, coordenadora de projetos da Águas de Joinville.

No Vila Nova, no momento, as obras acontecem nas laterais da rua Bento Torquato da Rocha. Já no Jardim Paraíso, o trabalho ocorre nas laterais das ruas Callisto e Amadeu Américo.

A retomada da implantação do sistema de esgotamento sanitário nessas regiões iniciou em 2020, quando os técnicos inspecionaram a tubulação instalada e constataram que aproximadamente 95% do total verificado está em condição adequada.

03/06/2022

Obra de melhoria no abastecimento de água do Morro do Meio entra na reta final

A Companhia Águas de Joinville está realizando a implantação de uma nova rede de abastecimento na rua Minas Gerais, que levará mais água para o bairro Morro do Meio. No próximo domingo (5/6), a partir das 8 horas, haverá uma interligação da rede nova com a rede existente, que deixará o abastecimento de água comprometido no bairro durante o dia. A previsão é que o sistema seja normalizado na região na noite de domingo.

São 2,9 km de rede nova, que inicia na esquina com rua Tupy e segue até o cruzamento com a rua Henrique Albrecht. Uma tubulação de diâmetro maior foi instalada na via e, dessa forma, a oferta de água para o bairro Morro do Meio será ampliada.

A vazão de água será suficiente para a demanda atual da região e também prevê o atendimento futuro. Com investimento de R$ 1,4 milhão, a obra de reforço do Morro do Meio beneficiará 11,6 mil moradores do bairro e deve ser concluída até o fim do mês de junho.

30/05/2022

Morro do Meio recebe obra para melhorar o abastecimento de água

A Companhia Águas de Joinville realiza a implantação de uma nova rede de abastecimento na rua Minas Gerais, que levará mais água para o bairro Morro do Meio. São 2,9 km de rede, que inicia na esquina com a rua Tupy e segue até o cruzamento com a rua Henrique Albrecht.

Uma tubulação de diâmetro maior está sendo instalada na via e, dessa forma, a oferta de água para o bairro Morro do Meio será ampliada. A vazão de água será suficiente para a demanda atual da região e também prevê o atendimento futuro. A obra tem previsão de conclusão para junho.

A melhoria está sendo executada parcialmente pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. Essa é uma tecnologia que substitui o sistema convencional de abertura de vala. O MND reduz significativamente o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos com abertura de valas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito.

Com investimento de R$ 1,4 milhão, a obra de reforço do Morro do Meio beneficiará 11,6 mil moradores do bairro e faz parte do Plano Diretor de Água, que direciona ações e investimentos para melhorar o abastecimento de água em Joinville.

27/04/2022

Cerca de 27 mil moradores têm acesso ao esgotamento sanitário em cinco bairros de Joinville

Durante o mês de abril, 4,4 mil residências nos bairros Boa Vista, Fátima e Guanabara, o que representa de cerca de 13 mil pessoas, recebem orientação para realizar a conexão de seus imóveis à rede coletora de esgoto da Águas de Joinville. Em março, 4,5 mil residências dos bairros João Costa e Jarivatuba receberam autorização para se conectar, garantindo o acesso ao sistema de esgoto para outros 14 mil moradores.

A liberação é informada por carta enviada a cada residência, com explicação sobre como fazer a ligação corretamente. Por este motivo, o morador deve aguardar a liberação para iniciar o processo. As obras fazem parte do Plano Diretor de Esgoto da Companhia, que direciona ações e investimentos rumo à universalização do acesso aos serviços de esgoto em Joinville. Atualmente, a cobertura de esgoto na cidade é de 40,9% e 100% do esgoto coletado recebe tratamento e destinação adequada.

Entenda como fazer a ligação

A orientação é que o proprietário, após receber a liberação, contate um encanador de confiança para verificar a tubulação do imóvel e realizar a conexão. É importante lembrar que a rede da parte de dentro do terreno deve direcionar a água do vaso sanitário, do ralo do chuveiro, das pias da cozinha e da churrasqueira, caso haja, para a rede pública de esgoto. É necessário que as pias de cozinha passem antes por uma caixa de gordura para prevenir o entupimento das redes e evitar extravasamento de esgoto nas ruas.

A água da chuva, de calhas e piscinas não deve ir para a rede coletora, e sim para a rede de drenagem da Prefeitura de Joinville. A Companhia também orienta que uma válvula de retenção seja instalada no coletor predial de esgoto antes da conexão à rede. A peça impede o retorno de esgoto e o acesso de roedores no interior das residências.

Com o sistema de esgotamento sanitário ativo, o imóvel passa a ser mais valorizado e contribui com o planeta ao devolver água limpa para a natureza. Além disso, com a ligação correta, se evita a proliferação de doenças e o mau cheiro.

Após a ligação do ramal interno à rede coletora, o morador não precisa mais dos serviços de caminhões limpa-fossa; portanto, deve desativar o sistema de fossa-filtro do imóvel, para evitar a formação e acúmulo de gases.

Águas de Joinville realiza a vistoria gratuitamente nos imóveis

Depois da ligação à rede de esgoto concluída, o morador faz o pedido de vistoria pelo número 47 99944-8729 ou gratuitamente pela central telefônica 115. O serviço, que não tem custo para o morador, é realizado por profissionais da empresa terceirizada Terra Norte. A empresa também faz contato ativo por telefone para agendar as visitas. No caso de prédios residenciais ou comerciais, o síndico pode entrar em contato com a Águas de Joinville para fazer o agendamento.

Os técnicos verificam se as ligações das residências à rede coletora estão corretas. As condições das caixas de gordura também são observadas, como localização e dimensionamento correto. O objetivo é combater as ligações irregulares que causam mau cheiro, contaminam o meio ambiente e causam extravasamentos nas ruas e refluxo de esgoto nos imóveis.

Caso alguma irregularidade seja encontrada, o morador é orientado a providenciar a correção em até 60 dias.

14/04/2022

Águas de Joinville inicia a 2ª etapa da implantação de rede de esgoto no Boa Vista

A Companhia Águas de Joinville (CAJ) iniciou a segunda etapa das obras de esgotamento sanitário no bairro Boa Vista. Nesta fase, serão implantados 38,7 km de rede coletora, duas estações elevatórias, 1,0 km de linha de recalque e realizadas 3,3 mil novas ligações de esgoto.

O crédito de R$ 26,6 milhões destinado às obras da etapa 2 foi concedido pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, via Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). O projeto da Águas de Joinville foi selecionado entre outros projetos de municípios de todo o país.

Esta parte da obra que envolve as ruas Albano Schmidt e Helmuth Fallgatter foi antecipada por meio de um alinhamento entre a Companhia e a Seinfra, já que os trechos passam também por pavimentação asfáltica. Dessa forma, o trabalho é realizado em conjunto, evitando que sejam necessárias novas intervenções futuramente em vias preparadas para a implantação da rede.

Quando a segunda etapa da obra estiver concluída e o sistema em operação, a nova rede atenderá cerca de 13,2 mil moradores da região do Boa Vista.

Primeira etapa da obra está finalizada

A primeira etapa das obras de esgoto no Boa Vista teve início em 2019 e está finalizada. Por isso, cerca de 5,5 mil moradores do bairro estão sendo orientados a realizar a conexão de seus imóveis à rede coletora. A ligação à rede da Companhia representa o fim da primeira etapa da implantação do sistema de esgotamento sanitário na região.

Vale ressaltar que os moradores precisam aguardar a informação da Águas de Joinville de que podem fazer a ligação à rede. A comunicação está sendo feita por meio de carta ou visita de um agente socioambiental da CAJ. A Companhia também tem realizado oficinas presenciais para orientar os moradores sobre como realizar corretamente a conexão da rede domiciliar na rede pública. Todas as oficinas são gratuitas e têm a data divulgada antecipadamente nas redes sociais da Companhia.

As obras no Boa Vista fazem parte do Plano Diretor de Esgoto da Águas de Joinville, que direciona ações e investimentos rumo à universalização do acesso aos serviços de esgoto na cidade.

25/03/2022

Águas de Joinville inicia a implantação de rede de esgoto nos bairros Parque Guarani, João Costa e Jarivatuba

Na próxima segunda-feira (28/3), a Companhia Águas de Joinville começa uma nova etapa da implantação da rede coletora na zona Sul. As obras contemplam os bairros Parque Guarani, João Costa e parte do Jarivatuba e correspondem à chamada Bacia 9.

“Esta é a terceira etapa da obra, que inclui a instalação de 54 km de rede, nove estações elevatórias de esgoto de pequeno porte e duas de médio porte”, afirma Bianca Berndt Kamradt, coordenadora de obras de expansão da Águas de Joinville. Na primeira e segunda etapas, realizadas nos bairros Jarivatuba, João Costa, Itaum e Fátima, foram implantados 41,8 km de rede.

A colocação da tubulação inicia pela rua Firmino da Silva. Uma equipe da Águas de Joinville está fazendo a abordagem nas residências dessa via, para avisar aos moradores sobre o início da obra de implantação da rede. O investimento total dessa etapa é de R$ 33 milhões e, quando finalizada, cerca de 19,2 mil moradores da zona sul serão beneficiados com a obra.

A previsão é que o trabalho na Bacia 9 seja concluído por completo em 2024 (considerando as etapas 1, 2 e 3), ampliando em 4,3% a cobertura de serviços de esgoto da cidade. As obras fazem parte do Plano Diretor de Esgoto, que direciona as ações e investimentos da Companhia para atingir a universalização da cobertura de esgotamento sanitário em Joinville.

25/03/2022

Águas de Joinville avança com obras para melhorar abastecimento de água na região central

A Companhia Águas de Joinville segue com projetos para melhoria do sistema de abastecimento de água. Um deles é a implementação do Distrito de Medição e Controle (DMC) localizado no bairro Bucarein. O DMC é uma área delimitada e isolada dentro do sistema de abastecimento de água, onde a vazão é monitorada na entrada da área, o que confere agilidade na identificação e conserto de vazamentos.

A obra beneficia 15 mil moradores dos bairros Bucarein, Boa Vista e parte do Saguaçu. A região receberá, no total, 23 km de redes e ramais em PEAD (polietileno de alta densidade), material mais flexível e mais resistente a rupturas em relação à tubulação convencional. Com investimento de R$ 6,83 milhões, a obra teve início em novembro de 2021 e tem conclusão prevista para março de 2023.

O trabalho vem sendo executado nas calçadas e a maior parte da obra será realizada pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem a necessidade de escavações de todo o trecho onde será instalada a tubulação. O MND reduz significativamente o tempo de conclusão do serviço e evita transtornos com abertura de valas, recomposição de pavimento e interrupções no trânsito.

Além de combater as perdas de água, outra vantagem da implementação de DMCs é que, quando for necessário realizar um reparo de vazamento, é possível interromper o abastecimento de água somente de uma parte do DMC, reduzindo a área e a população afetada enquanto o conserto não for concluído.

Em Joinville, 33% da cidade está setorizada. Entre os bairros que já possuem DMCs estão Costa e Silva, Glória, Rio Bonito, Pirabeiraba, Morro do Meio, Nova Brasília, Vila Cubatão, Jardim Sofia, Espinheiros, Comasa, Santa Catarina, Itinga, Parque Guarani e Paranaguamirim.

O DMC Bucarein faz parte de um pacote de intervenções previstas no PDA (Plano Diretor de Água) da Águas de Joinville, que tem por objetivo setorizar o sistema de abastecimento, substituir infraestruturas, reduzir perdas e reforçar o sistema de abastecimento de água, garantindo o fornecimento contínuo à população.

22/02/2022

Águas de Joinville substitui rede de esgoto do bairro Adhemar Garcia

A Companhia Águas de Joinville iniciou em fevereiro uma obra para melhoria do sistema de esgotamento sanitário do bairro Adhemar Garcia. A obra tem por objetivo ampliar a capacidade hidráulica da rede, além de também contar com a implantação de uma nova estação elevatória, conforme padrão atual da Companhia e em substituição à estrutura existente.

Em 2021 foi concluído o projeto executivo da reforma do sistema e um amplo diagnóstico, no qual houve a análise das causas de extravasamentos de esgoto, revisão do projeto hidráulico e inspeções intratubulares e de poços de visita ao longo dos 12 Km de rede do bairro.

“A previsão é que a obra seja concluída em oito meses, resultando na substituição de aproximadamente 30% da rede coletora do bairro. Por meio do diagnóstico realizado, foi constatado que o restante da rede coletora se encontra em plena capacidade operacional para o atendimento presente e futuro do local”, informa Marcos Lopes, engenheiro sanitarista da Águas de Joinville.

Veja as principais ruas que terão obras de melhoria da rede coletora. Esses locais poderão sofrer interdições parciais de trânsito nos períodos em que o serviço estiver sendo executado.

Avenida Alvino Hansen
Rua Raul Pascoal Fernandes
Rua Evilásio dos Santos
Rua Amando Germano Tank
Rua Pedro Vital Batista
Rua Vicente Alves Pereira
Rua Carlos Afonso Moreira
Rua Maurício Ritzmann
Rua Gert Schmidt
Rua Ayrton Senna
Rua Herbert Zimath

22/02/2022

Águas de Joinville instala a maior estação elevatória com Sistema de Bombeamento em Linha do país

Entrou em operação, nessa semana, a maior Estação Elevatória de Esgoto (EEE) com Sistema de Bombeamento em Linha (SBL) do Brasil, implantada na rua Oswaldo Schmidt, no bairro Guanabara. Neste novo modelo de elevatória, o esgoto se mantém permanentemente na rede, sem contato com a atmosfera e sem acúmulo no poço de bombeamento, o que caracteriza uma das suas principais vantagens, que é eliminar a emissão de odores.

O equipamento fará o bombeamento do efluente coletado nos bairros Guanabara, Fátima e Boa Vista.

“A estação elevatória de esgoto é um sistema de bombas que impulsionam o efluente, para que ele percorra as tubulações e chegue até uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Na elevatória com Sistema de Bombeamento em Linha, o esgoto é bombeado em um poço de concreto armado sem contato com a estrutura do tanque, evitando, assim, os odores e a corrosão do equipamento”, explica o engenheiro Marcos Lopes de Souza, responsável técnico pelo projeto.

O sistema é utilizado em países como França, Portugal e Estados Unidos. No Brasil, outras empresas de saneamento já possuem em operação elevatórias com esta concepção, porém de menor porte.

Com investimento de R$ 2,4 milhões, o SBL teve o mesmo custo de uma elevatória tradicional com bombas submersíveis. Embora seja a maior do país neste modelo, a elevatória com SBL ocupará uma área 60% menor em comparação com o sistema convencional, o que possibilitou que aproximadamente 300 m² de vegetação fossem preservados.

Instalada em uma área suscetível a alagamentos em dias de forte chuva e também de maré alta, a elevatória conta com um sistema de proteção contra inundação através de uma bomba de drenagem do poço de bombeamento integrada ao painel de comando da unidade. Além disso, os motores foram produzidos com grau de proteção contra submersão, sem prejuízo à integridade do sistema.

“Com o início da operação a vazão da elevatória irá aumentar gradativamente, na medida em que a população se ligar à rede de esgoto e com o crescimento populacional dos bairros, até atingir sua vazão máxima final de 196 litros por segundo”, explica Bianca Berndt Kamradt, coordenadora de Expansão da Águas de Joinville.

A instalação do novo equipamento faz parte das obras de esgotamento sanitário da zona Sul, que incluem a implantação de 34,5 km de rede coletora e mais quatro estações elevatórias.

A EEE do Guanabara é um dos projetos da Águas de Joinville que vem sendo colocados em prática rumo à universalização da cobertura de esgotamento sanitário no município.

16/02/2022

Águas de Joinville recebe aprovação de financiamento de R$ 270 milhões da Agência Francesa de Desenvolvimento

A Companhia Águas de Joinville recebeu a confirmação de aprovação do financiamento de R$ 270 milhões junto à AFD (Agência Francesa de Desenvolvimento) para projetos de água e esgoto, com foco em aumento da cobertura de esgotamento sanitário, melhoria da segurança hídrica e redução de perdas. As parcelas do recurso serão liberadas à medida que as obras forem avançando.

Na semana de 7 a 9/2, uma comitiva da agência veio em missão para discutir o contrato de instrução de crédito com a diretoria e equipe da Águas de Joinville. Os requisitos para uma contratação com a AFD incluem diversas diligências e detalhamento de informações técnicas, financeiras e socioambientais que precisam atender às exigências internacionais da matriz francesa.

Entre os projetos objetos do financiamento estão a modernização da ETA Piraí, instalação e substituição de redes de água, implantação de mais de 320 km de redes coletoras na zona sul e de 26 mil novas ligações de esgoto.

As obras de abastecimento de água beneficiarão 150 mil pessoas, e as de esgoto, aproximadamente 160 mil pessoas. Entre os benefícios das obras que receberão recursos da AFD destacam-se: incremento de 17% na cobertura de esgotamento sanitário na cidade, melhorias na saúde hídrica e revitalização dos rios de Joinville localizados na área de influência dos projetos.

Em setembro de 2021, representantes da agência francesa realizaram uma visita presencial nas unidades da Companhia, antes de passar pelas aprovações do comitê de crédito e do Conselho da AFD. A comitiva fez visitas técnicas às unidades e às obras de rede de água e esgoto, além de reuniões para detalhamento dos projetos.

“O financiamento foi motivado pelas boas práticas que a Companhia tem, seja na sua estrutura de governança, na gestão ambiental, nos nossos processos organizacionais e, claro, na robustez financeira da CAJ, que demonstram nossa condição de colocar esses projetos em prática. Será mais um passo importante para atingir os objetivos de universalização do acesso ao esgoto sanitário e de melhoria da distribuição de água no município de Joinville”, afirma André Romero, Diretor Administrativo e Financeiro da Águas de Joinville.

A Agência Francesa de Desenvolvimento financia e acompanha projetos em mais de 100 países. No Brasil, está presente desde 2007, implementando, principalmente, projetos que visam melhorar a qualidade de vida da população e atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelecidos pela ONU.

27/01/2022

Águas de Joinville instala rede de esgoto na região do Hospital Regional

A Companhia Águas de Joinville iniciou a instalação de uma rede de esgoto na região do Hospital Hans Dieter Schmidt, localizado no bairro Boa Vista. A obra, que tem investimento de R$ 1,9 milhão, está em andamento e a previsão é que seja finalizada em abril.

O projeto tem por finalidade atender com coleta e transporte de esgoto o Hospital Regional, a Fundação Pró-Rim e outros empreendimentos que estiverem no traçado da rede coletora. Os efluentes gerados na região serão transportados até a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Espinheiros.

Além de uma estação elevatória, unidade que bombeia o esgoto até a ETE Espinheiros, será instalada uma linha de recalque com mais de três quilômetros de extensão. A linha de recalque é um conjunto de tubulações, peças e dispositivos necessários para garantir o bombeamento eficiente do esgoto.

Tecnologia que evita escavação

Um diferencial da obra é a execução de uma rede pressurizada pelo Método Não Destrutivo (MND), que consiste em implantar a rede sem escavação de todo o trecho. Essa é uma nova tecnologia em substituição ao sistema convencional de abertura de vala. O MND reduz em até 40% o tempo de conclusão da obra. Serão 3,3 km de rede implantados com esse método.